​CBF muda regra e facilitará vagas na Série D a partir de 2016. Entenda!

A entidade decidiu que a partir do ano que vem os clubes classificados para a Série D também terão vaga garantida no campeonato no ano seguinte, no caso 2017

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 09 (AFI) – A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) comunicou mudanças no sistema de classificação ao Campeonato Brasileiro da Série D, a Quarta Divisão Nacional, a partir de 2016. As medidas podem dividir opiniões sobre a facilidade ou concorrência ainda maior pelo ingresso na competição.

A entidade decidiu que a partir do ano que vem os clubes classificados para a Série D também terão vaga garantida no campeonato no ano seguinte, no caso 2017. Isso, é claro, se o clube não conquistar o acesso á Série C. O que ajudará muitos times espalhados pelo país, principalmente aqueles de Estados com maior concorrência.

Em São Paulo, por exemplo, a medida acirrará a briga no Paulistão de 2016. Já que são muitos os clubes do interior que sonham em voltar à competição nacional. Resta saber o número de vagas que serão abertas (neste ano foram duas, além do São Caetano, que caiu da Série C para a Série D em 2014).

A tendência é que a Federação Paulista de Futebol (FPF) aumente para três o número de classificados à Série D, já que a CBF impôs que a definição dos clubes para a edição de 2017 aconteça até 31 de outubro. Fazendo assim com que o campeão da Copa Paulista não entre como um dos participantes.

Atualmente o regulamento da Copa Paulista prevê a possibilidade de o campeão jogar a Série D. Isso se a CBF conceder mais uma vaga ao Estado de São Paulo. Caso o campeão não queria jogar a Quarta Divisão, a vaga ficará com o vice. Sem essa possibilidade o grande campeão apenas conquista o direito de disputar a Copa do Brasil da temporada seguinte.

ENTENDA!

Em contato com a assessoria, a CBF explicou a mudança: “A partir de 2017, os classificados dos Estaduais serão sempre visando ao campeonato do ano seguinte”. Ou seja, a vaga na Série D não ficará com o clube que fizer a melhor campanha do estadual do mesmo ano e sim com o do ano anterior. Usando como exemplo essa temporada, o Botafogo disputaria o nacional apenas em 2016.

CONFIRA O OFÍCIO DA CBF SOBRE A SÉRIE D DO CAMPEONATO BRASILEIRO

“Caso alguma federação prefira, pode realizar um torneio classificatório no meio do ano de 2016 e o campeão desta competição ocupará a vaga na Série D de 2017. Todas as vagas, caso a federação tenha mais do que uma, devem obedecer o mesmo critério. A partir de 2018, os representantes serão obrigatoriamente determinados pelo desempenho no campeonato estadual do ano anterior”, completou a assessoria.

Ainda assim, a CBF não sinalizou nenhum mudança na forma de disputa e ainda confirmou o sistema de acesso e descenso na Série D. “O sistema de acesso e descenso não muda. Os clubes rebaixados da Série C em 2016, disputarão a Série D em 2017 e assim sucessivamente.” A mudanças é para equiparar o calendário de todos os estados brasileiros, já que algumas federações marcam a competição regional para o segundo semestre.