Santa Cruz 2 x 0 Remo - Tricolor se firma no G4 e afunda Leão

Sem conseguir emplacar uma sequência de bons resultados, o time paraense amarga a lanterna do Grupo A

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 08 (AFI) - O Santa Cruz emplacou a segunda vitória seguida na noite deste domingo ao bater o Remo, por 2 a 0, no Arruda, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. Alegria para um e desespero para outro no Grupo A.

Com o resultado positivo, o Tricolor chegou aos 20 pontos e subiu para a terceira colocação, atrás apenas de Atlético Acreano (24) e Náutico (22). Sem conseguir emplacar uma sequência de vitórias, o Remo estacionou nos 11 e continua na lanterna.

GOL CEDO

Empurrado pela torcida tricolor, o Santa Cruz precisou de apenas 11 minutos para abrir o placar no Arruda. Pipico aproveitou cruzamento, se antecipou ao zagueiro e, de peixinho, mandou no cantinho de Vinícius. O Remo sentiu o gol e só foi conseguir responder dez minutos depois em chute de Isac por cima do travessão.

Charles marcou o segundo gol do Santa Cruz em cobrança de falta já nos acréscimos do segundo tempo
Charles marcou o segundo gol do Santa Cruz em cobrança de falta já nos acréscimos do segundo tempo

Na sequência, Tiago Machowski levou a melhor sobre Elielton em disputa dentro da área. O atacante remista ficou pedindo pênalti do goleiro tricolor. Aos poucos, o Remo foi conseguindo equilibrar apartida e o Santa Cruz encontrava dificuldades para chegar com perigo ao gol de Vinícius.

O Tricolor voltou a assustar aos 41. Jailson recebeu livre de marcação dentro da área, mas não conseguiu driblar Vinícius, que ficou com a bola. Esse foi o últimolance de perigo do primeiro tempo.

FECHOU O CAIXÃO
O Remo voltou com outra postura do intervalo e partiu com tudo para cima do Santa Cruz em busca do empate. O primeirolance de perigo veio aos sete minutos, quando Isac recebeu dentro da área e ajeitou para Rodriguinho bater de primeira por cima do gol. Na sequência, Nininho cruzou e Elielton por muito pouco não completou de cabeça.

Isac arriscou de muito longe e viu a bola passar raspando o travessão. Aos 16, a zaga furou e o camisa 9 remista saiu na cara de Tiago Machowski, mas chutou em cima do goleiro. O Santa Cruz não conseguia sair jogando e era pressionado pelo Remo. Fernandes aproveitou cruzamento e bateu bonito de primeira. A bola caprichosamente saiu para fora.

Eduardo foi lançado em velocidade e cruzou para a área. Pipico estava pronto para marcar, mas Mimica chegou antes e tirou pela linha de fundo. Aos 42 minutos, a melhor chance do Remo. Eliandro cabeceou e viu a bola explodir no travessão de Tiago Machowski. O balde de água fria veio nos acréscimos.

Em uma falta bastante criticada pelos jogadores remistas, Charles soltou a bomba, a bola desviou na barreira e entrou no cantinho de Vinícius. Na sequência, os atletas do banco de reservas xingaram o quarto árbitro e Vacaria acabou sendo expulso.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo no próximo sábado, pela 14ª rodada da Série C. O Santa Cruz recebe o Globo, às 19 horas, no Arruda, em Recife, enquanto o Remo enfrenta o Botafogo-PB, às 17 horas, no Mangueirão, em Belém.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
13ª rodada
Data
08/07/2018
Horário
17h00
Local
Arruda - Recife (PE)
Árbitro
Rodrigo Nunes de Sa - RJ

Renda
R$ 122.290,00
Assistentes
Silbert Faria Sisquim - RJ e Lilian da Silva Fernandes Bruno - RJ

Público
14.782 total
Cartões Amarelos
Santa Cruz-PE: Arthur Rezende
Remo-PA: Bruno Maia, Nininho, Geandro

Cartões Vermelhos
Remo-PA: Geandro, Vacaria
Gols
Santa Cruz-PE: Pipico 11' 1T, Charles 46' 2T
Santa Cruz-PE
Tiago Machowski;
Vítor, Danny Morais, Augusto Silva, Allan Vieira (Eduardo Brito);
Eduardo, Willian Maranhão (Charles), Arthur Rezende (Augusto);
Robinho, Jailson e Pipico.
Técnico: Roberto Fernandes
Remo-PA
Vinícius;
Nininho, Mimica, Bruno Maia e Esquerdinha (Jayme);
Geandro, Dudu, Leandro Brasília (Fernandes) e Rodriguinho;
Elielton (Eliandro) e Isac.
Técnico: João Nasse Neto
 
 
" />