Atlético-GO x Fortaleza - Menos um concorrente fora da briga pelo G4?

O Leão do Pici é o líder isolado, com 61 pontos, dez a mais que o Dragão

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 02 (AFI) - O acesso parece questão de tempo, mas neste sábado o Fortaleza tem a chance de complicar a vida de um concorrente direto na briga por uma vaga na elite do Campeonato Brasileiro de 2019. Em Goiânia, o Leão do Pici encara o Atlético-GO, a partir das 17 horas, no Estádio Antônio Accioly, pela 34ª rodada da Série B.

Apesar de amargar um jejum de três jogos sem vitória diante do torcedor, o Dragão vem embalado depois de ganhar duas seguidas como visitante - Brasil de Pelotas (2 x 1) e Boa Esporte (2 x 0). Na briga por uma vaga no G4, o Atlético-GO tem 51 pontos.

Precisando apenas confirmar matematicamente o acesso, o Fortaleza também pode dar um importante passo rumo ao título da Série B se ampliar a sequência invicta para sete jogos. O Leão do Pici está na liderança isolada, com 61 pontos.

VAI SER DIFÍCIL
Os jogadores rubronegros esperam uma reta final de campeonato bastante intensa, já que cada time está em busca dos seus objetivos. O zagueiro Lucas Rocha garante que o elenco está focado e prometeu muita luta para colocar o Dragão na elite.

O Atlético-GO calou a Arena Castelão e venceu o Fortaleza, por 1 a 0, no primeiro turno
O Atlético-GO calou a Arena Castelão e venceu o Fortaleza, por 1 a 0, no primeiro turno

"Será uma reta final intensa para todos. Temos que manter foco total para conquistarmos o acesso. Lutaremos muito por isso. Vamos enfrentar o líder da competição, uma equipe qualificada e que vai dar muito trabalho. Estamos concentrados para lutar até o fim e terminar entre os quatro classificados", afirmou o zagueiro.

Diante do Fortaleza, o técnico Wagner Lopes vai realizar apenas uma mudança. Sem poder contar com o atacante Júlio César, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Vitinho é quem começa jogando.

A outra opção seria André Luis, mas o próprio jogador revelou que não aguentaria jogar mais de 40 minutos porque ainda sente dores devido a uma pubalgia que o deixou longe dos gramados.

LEÃO TEM FORÇA MÁXIMA

A delegação tricolor embarcou para Goiânia na tarde da última quinta-feira com todos os jogadores à disposição de Rogério Ceni. O volante Nenê Bonilha, que não participou de dois treinamentos por conta de dores no tornozelo, também viajou, mas sua presença entre os titulares é uma incógnita, já que as últimas atividades foram fechadas.

Uma alteração é certa. Após cumprir suspensão automática no empate com a Ponte Preta, em 1 a 1, Marlon está de volta e Wilson vai para o banco de reservas. A ausência do meia foi bastante sentida pelo Fortaleza, de acordo com o próprio Rogério Ceni depois da partida.

"A gente sempre joga com foco, todas as partidas são decisivas e as vezes, quando não dá na técnica, tem que ir na vontade, na raça, não pode faltar essa disposição do atleta e comigo não é diferente", destacou Marlon.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
34ª rodada
Data
03/11/2018
Horário
17h00
Local
Antônio Accioly - Goiânia (GO)
Árbitro
Jean Pierre Goncalves Lima-RS

Renda
R$ 84.095,00
Assistentes
Leirson Peng Martins-RS e Lucio Beiersdorf Flor-RS

Público
6.187 pagantes (7.236 Total)
Cartões Amarelos
Atlético-GO: Fernandes, André Luís, Alisson
Fortaleza-CE: Dodô, Bruno Melo, Éderson, Romarinho

Gols
Atlético-GO: João Paulo 48' 2T
Fortaleza-CE: Gustavo 14' 1T, Bruno Melo 25' 1T
Atlético-GO
Kléver:
Alisson, Lucas Rocha, Oliveira e Jonathan;
Pedro Bambu, Rômulo (Fernandes) e João Pedro;
Vitinho (André Luis), Renato Kayzer e Thiago Santos (Denilson).
Técnico: Wagner Lopes.
Fortaleza-CE
Marcelo Boeck;
Tinga, Diego Jussani, Ligger e Bruno Melo;
Felipe, Marlon e Dodô (Wilson);
Marcinho (Romarinho), Éderson (Derley) e Gustavo.
Técnico: Rogério Ceni.
 
 
" />