Paulistão: Botafogo tenta encerrar jejum para afastar a crise

A diretoria tricolor admitiu que a campanha está ruim e que a luta agora é contra o rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 04 (AFI) - O Botafogo vive um começo de temporada turbulento. Ainda sem vencer no Campeonato Paulista, o time ocupa a lanterna na classificação geral. A campanha decepcionante já fez a crise ser instalada no Estádio Santa Cruz.

Para passar tranquilidade a Léo Condé, a diretoria tricolor bancou a permanência do treinador, mas reconheceu que os resultados até aqui são decepcionantes e admitiu que a briga do Botafogo neste momento é contra o rebaixamento para a Série A2.

Principal contratação do Botafogo, o volante Denilson deve fazer sua estreia (Foto: Raul Ramos/Botafogo-SP)
Principal contratação do Botafogo, o volante Denilson deve fazer sua estreia (Foto: Raul Ramos/Botafogo-SP)
"Temos que ter humildade e saber que estamos lutando contra o rebaixamento. Passou um terço do campeonato e de 12 pontos somamos apenas um. O desempenho é muito ruim", afirmou o presidente Gerson Engracia Garcia.

No confronto direto contra o São Caetano, que também ainda não venceu no Paulistão, Léo Condé deve promover a estreia do volante Denilson. Ex-São Paulo e Arsenal, o jogador vai fazer sua estreia pelo Botafogo. No meio-campo, Wellington Bruno ainda não está 100% e por isso fica como opção para o segundo tempo.

O provável Botafogo para esse jogo é: Rodrigo Viana, Lucas Mendes, Ednei, Plínio e Pará; Diones, Denílson (Willian Oliveira) e Evandro; Pimentinha, Leonan e Rafael Costa.

 
 
" />