Bahia recebe Chapecoense para encerrar jejum e voltar a sonhar com o G6

O time comandado por Roger Machado não ganha há quatro partidas e é o décimo colocado

por Agência Futebol Interior

Salvador, BA, 05 (AFI) - Pressionado pelo jejum de quatro jogos sem vitória no Campeonato Brasileiro e cada vez mais distante da briga por uma vaga na Copa Libertadores de 2020, o Bahia recebe a Chapecoense nesta quarta-feira, às 21h30, na Arena Fonte Nova, pela 31ª rodada.

Nas últimas quatro partidas, o Bahia foi derrotado três vezes e conseguiu um empate. A sequência colocou o time comandado por Roger Machado na décima colocação, com 42 pontos, quatro a menos que o sexto colocado Athletico-PR.

A torcida tricolor, porém, está meio receosa. Principalmente porque o time vem de duas derrotas seguidas na Arena Fonte Nova - para Internacional e Ceará - e a última vitória foi há quatro jogos.

Bahia vai ter mudanças em relação ao time que empatou com o Cruzeiro
Bahia vai ter mudanças em relação ao time que empatou com o Cruzeiro

"A gente vai superar essa fase ruim ganhando. Nosso momento não é bom, mas não podemos nos desesperar, pois a coisa pode piorar. Temos que manter a cabeça no lugar e conquistar esses três pontos, disse o zagueiro Juninho.

REFORÇOS
Para esse jogo, o técnico Roger Machado tem as voltas dos volantes Gregore e Ronaldo, que cumpriram suspensão automática no empate com o Cruzeiro, por 1 a 1. Apenas o primeiro deve ser titular nesta quarta-feira, no lugar de João Pedro.

Apesar de ser o artilheiro do time no Brasileirão, com 11 gols, Gilberto não vive um bom momento - não marca há oito jogos - e vai começar pela segunda vez seguida no banco de reservas. Fernandão continua entre os titulares.

BAHIA - Douglas Friederich; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Gregore, Flávio e Marco Antônio; Artur, Fernandão e Élber. Técnico: Roger Machado.