Geuvânio revela estratégia para Atlético-MG voltar a bater o Santos: 'Marcar em cima'

"Vai ser um jogo muito difícil, o Santos tem uma proposta de jogo muito clara, de ter a bola, então, a gente tem sempre que apertar"

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 08 - O Atlético-MG encerrou a preparação para o jogo deste domingo, contra o Santos, válido pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro e que vai ser disputado na Vila Belmiro, com um treinamento no CT do Palmeiras, em São Paulo. Após a atividade, o meia-atacante Geuvânio comentou sobre a estratégia da equipe para voltar a vencer os paulistas, desta vez pela competição de pontos corridos.

"É um campo bom, grama muito boa de se jogar. Vai ser um jogo muito difícil, o Santos tem uma proposta de jogo muito clara, de ter a bola, então, a gente tem sempre que apertar. Quanto mais a gente marcar em cima, mas se sentirão incomodados", disse o jogador, que foi revelado pelo Santos, esteve no Flamengo até o fim do ano passado, emprestado pelo Tianjin Quanjian, da China, e estava sem clube até seguir para o Atlético-MG, em março deste ano.

Foto: Bruno Cantini / Atlético
Foto: Bruno Cantini / Atlético
VICE-LIDERANÇA

Com 15 pontos, a equipe mineira é a segunda colocada no Brasileirão e vem de classificação para as quartas de final da Copa do Brasil, assegurada diante do próprio Santos, obtida com vitória por 2 a 1, de virada, na última quinta-feira no Pacaembu.

Mesmo sem ser titular, Geuvânio tem entrado com frequência nas partidas do time dirigido por Rodrigo Santana. Ele afirmou não se incomodar com a condição de opção no banco de reservas.

ELENCO FORTE

"Ele (Santana) está vendo quem está melhor. Está sendo coerente nas decisões. Tem que colocar quem está melhor mesmo. Chará e os meninos estão fazendo gol. Têm que jogar mesmo", comentou, citando o colombiano, que tem formado dupla de ataque com Ricardo Oliveira e tem sido servido pelos meias, o equatoriano Cazares e por Luan.