AMAZONENSE: Final é suspensa e será realizada apenas após julgamento do Manaus

Caso o time finalista seja punido, o Nacional fica com a vaga para disputar o título contra o Fast

por Agência Futebol Interior

Manaus, AM, 12 (AFI) - A Federação Amazonense de Futebol decidiu suspender a final do Campeonato Amazonense, entre Manaus e Fast, em razão do julgamento que ocorrerá no próximo dia 22, sobre o pedido de impugnação da final do Segundo Turno feito pelo Nacional. As partidas ocorreriam neste sábado, dia 13, e no próximo, dia 20.

Em um primeiro momento, o diretor de competições da FAF, I van Guimarães, chegou a afirmar que os jogos aconteceriam normalmente sem que o resultado fosse homologado.Ao que parece, mais tarde perceberam a confusão que isso poderia causar e voltaram atrás.

"Diante do exposto, por não se conhecer o campeão do segundo turno, as partidas finais ficam suspensas até o julgamento final desta impugnação", publicou em nota a Federação Amazonense.

Foto: Divulgação / Manaus
Foto: Divulgação / Manaus
O CASO
Após perder a final do Segundo Turno para o Manaus, o Nacional fez uma denúncia no TJD para pedir a impugnação da decisão. O clube acredita que foi prejudicado por alguns fatores como ouso de sinalizadores por parte da torcida do Manaus, além da paralisação por conta de uma invasão de campo.

O presidente do TJD, Édson Rosas Júnior aceitou a denúncia. Agora, o Manaus corre o risco de ser excluído do estadual ou até suspenso por seis meses. Caso seja eliminado, o Nacional seria declarado campeão do segundo turno e faria a grande final contra o Fast, campeão do primeiro turno.