Copa Paulista: XV de Piracicaba muda estatuto e clube pode virar SAF

“O novo estatuto deixa o XV atualizado e isso é extremamente importância para o futuro do clube", disse o presidente

O novo estatuto foi aprovado por 74 votos favoráveis e sete contrários no último dia 10 de maio

Categorias: Estaduais

Por: Rivail Oliveira, 12/05/2022

xv 1

Piracicaba, SP, 11 (AFI) – Um “novo” XV de Piracicaba pode estar surgindo no horizonte. Na semana que passou, o clube tomou uma medida que poderá impactar no futuro da equipe centenária do interior do futebol paulista e uma das mais tradicionais do estado. Foi aprovado o novo estatuto, por aclamação no último dia 10 de maio, por 74 votos favoráveis e sete contrários numa reunião com 81 sócios. Com isso, num futuro breve, o XV de Piracicaba abre as portas para, na prática, quem sabe, transformar numa SAF (Sociedade Anônima do Futebol), fechando parceria com empresas interessadas em investir na equipe.

A medida, na prática, autoriza o Nhoquim a se se transformar em SAF, conforme a lei aprovada em agosto de 2021 (lei 14.193/2021), que faculta às agremiações se transformarem em empresas e poderem receber uma investimentos nacionais e de fora do Brasil. A mudança estatutária foi o segundo passo para isso – a possibilidade de transformar o clube em SAF já tinha sido aprovada no XV há cerca de 30 dias.

Em entrevista à mídia local (Jornal de Piracicaba), o presidente do XV, Rodolfo Geraldi. Santos, comemorou: “O novo estatuto deixa o XV atualizado, especialmente com a Lei da SAF, e isso é de extrema importância para o futuro do clube. Seguiremos o processo com muito pé no chão, mas com uma possibilidade enorme de crescimento”, explicou.


O presidente do Conselho Deliberativo do XV,  Rodolfo Geraldi. Santos, também celebrou: “É um marco na história do XV. A votação expressiva pela mudança do estatuto mostra que estamos no caminho certo. Agora vamos aguardar para ver o que vai acontecer no futuro”. Vários clubes do Brasil já adotam a iniciativa: Cruzeiro, Vasco, Botafogo e Portuguesa.

PROFISSIONALISMO 

Segundo o presidente do Conselho, falando ao jornal local, é preciso ter cuidado e do clube contar com um pessoal muito profissional, com a nova situação: “Qualquer decisão sobre a SAF será extremamente cuidadosa e contará com o acompanhamento e profissionais competentes, seguindo regras de transparência e viabilidade, tanto para o XV, quanto para eventuais investidores”, disse o conselheiro ao jornal piracicabano.

MANTER A TRADIÇÃO QUINZISTA

O dirigente assegurou ainda, que o modelo de compra baseado na SAF parte dos 10% e pode chegar aos 90%. E que o clube não sairá da cidade ou será descaracterizado. E ainda vai manter suas tradições, como uniforme, cores, escudo, entre outros detalhes.

PRIMEIRAS PROCURAS

O conselheiro, explicou que no novo projeto, o XV não terá patrimônio envolvido no modelo e gestão. Mas que a medida visa valorizar ainda mais a “marca” XV de Piracicaba, que é muito forte e respeitada. De acordo com o presidente do Conselho Deliberativo, antes do clube sugerir as mudanças para a futura SAF o XV de Piracicaba recebeu sondagens de cinco a seis fundos e de instituições interessadas.

COPA PAULISTA

Por outro lado, o XV segue o planejamento para a montagem do elenco para a Copa Paulista e está em busca de reforços.  O XV estreia na Copa Paulista dia 3 de julho no Barão de Serra Negra, contra o Lemense. O Nhoquim está no grupo 2 ao lado de São Bento, Rio Claro, Desportivo Brasil e Primavera.

Confira também: