Torcedor "salva" jogo do Campeonato Mineiro ao assumir a ambulância

A partida entre Democrata e Patrocinense começou com 20 minutos de atraso

Ramail Pouzas saiu da arquibancada para assumir a ambulância e permitir o início do jogo entre Democrata e Patrocinense

Categorias: Futebol Brasil

Por: Agência Futebol Interior, 27/01/2022

ramailpouzas e1643316382538
Ramail Pouzas foi o responsável pelo início da partida

Governador Valadares, MG, 27 (AFI) – Democrata e Patrocinense estrearam no Campeonato Mineiro com um empate por 1 a 1. Mas o personagem do jogo realizado no Estádio José Mammoud Abbas, em Governador Valadares, não estava dentro de campo.

Torcedor do Esporte Clube Democrata, o geriatra Ramail Pouzas, de 44 anos, foi o grande responsável por fazer a bola rolar. Não entendeu? Vamos contar abaixo o que aconteceu em Governador Valadares. São coisas que só são vistas nos estaduais pelo Brasil.

A partida entre Democrata e Patrocinense, pela primeira rodada do Campeonato Mineiro, estava marcada para começar às 20 horas, mas o árbitro João Luiz Gomes Neto não pôde dar início porque a ambulância presente no José Mammoud Abbas estavam sem médico.

Foi aí que apareceu Ramail Pouzas. Portando a carteira do CRM (Carteira Regional de Medicina) – registrado que todo profissional formado em Medicina precisa ter -, o geriatra foi liberado para ficar na ambulância. Só depois disso que a bola rolou.

“A partida iniciou-se com vinte e um minutos de atraso, em virtude da falta de médico na ambulância”, relatou na súmula o árbitro João Luiz Gomes Neto.

Vale destacar que o Patrocinense foi para a partida sem médico. Assim, o médico do Democrata, Pedro Paulo Abranches Júnior, ficou responsável por atender os jogadores das duas equipes.

Confira também: