Supercopa do Brasil: 'Gritaram antes da hora e o Atlético foi campeão, merecidamente', diz Éverson

Junto com Hulk, Éverson foi fundamental para o título

Goleiro foi um dos destaque do titulo do Galo

Categorias: Grandes clubes do Brasil

Por: Agência Estado, 20/02/2022

everson

Campinas, SP, 20 – Autor de três defesas na decisão por pênaltis, duas para salvar o título de ir ao Flamengo e a última para garantir a taça ao Atlético-MG, o goleiro Éverson dividiu os méritos da conquista da Supercopa, na Arena Pantanal, em Cuiabá, com Hulk e desabafou contra os cariocas, que em sua visão cantaram vitória antes da hora.

“Disputa por pênaltis é propícia para goleiro se destacar, mas o Hulk fez duas cobranças e foi muito feliz”, afirmou Éverson, elogiando a frieza do companheiro, que ainda empatou o jogo no segundo tempo para garantir a decisão nos tiros livres.

O goleiro do Atlético-MG viu a conquista dos mineiros merecida, engrandeceu a equipe, afirmou que após mais de um ano em Belo Horizonte já “respira e vive” o clube e deu uma leve cutucada nos torcedores cariocas.

COMEMORAÇÃO PRECOCE

Como as cobranças foram do lado da torcida carioca, o goleiro ouviu gritos de campeão alguma vezes, sobretudo quando bastava um flamenguista concluir sua cobrança de pênalti. Foi assim com William Arão, Matheuzinho e Fabrício Bruno.

“Gritaram antes da hora e o Atlético foi o campeão, merecidamente”, afirmou um dos heróis do time mineiro na Arena Pantanal, em Cuiabá. “Colocamos nosso nome novamente na história do clube.”

Depois de sair por baixo do Santos, e encarar um mau momento em Belo Horizonte, com duras cobranças da torcida, Éverson buscou a redenção e dá sua quarta volta olímpica como titular da equipe. Ergueu o troféu no Mineiro, no Brasileirão, na Copa do Brasil e agora na Supercopa do Brasil.

Confira também: