Série B: Técnico Mazola Júnior lamenta empate nos acréscimos

"O Marielson fez uma boa arbitragem., só não entendi o porque de tanto tempo de acréscimo", disse Mazola

O próximo compromisso do Galo de Itu, seria diante do Cruzeiro, porém, o jogo foi adiado em razão do Cruzeiro atuar pela Copa do Brasil

Categorias: Futebol Brasil

Por: Rivail Oliveira, 20/06/2022

MazolaJunior Ituano SerieC 2021
Mazola Júnior colocou o Ituano nos caminho do acesso em 2021

Itu, SP, 20 (AFI) – Após o empate por 1 a 1 contra o CRB, fora de casa, no Estádio Rei Pelé, pela 13ª rodada da Série B, o treinador Mazola Junior reclamou bastante da arbitragem, porém, gostou do resultado. O próximo compromisso do Galo de Itu, seria diante do Cruzeiro, porém, o jogo foi adiado em razão do Cruzeiro atuar pela Copa do Brasil. Com isso, o próximo jogo do Ituano será dia 28 de junho, 20h30, contra o Guarani no Estádio Brinco de Ouro em Campinas.

“O resultado foi justo. O contexto que nos faz chateado. Marcar um gol aos 45 e sofrer o empate nos acréscimos. Que já tinha passado o tempo determinado. Se você fizer uma análise do jogo o resultado foi justo”, disse o treinador.  

Ele também avaliou como vai trabalhar nesses mais de dez dias que antecedem o próximo jogo. “Neste momento que nós estamos, com alguns jogadores saindo do departamento médico, e quatro atletas nossos que estão lesionados, este adiamento com o Cruzeiro caiu bem para nós. Vamos trabalhar nesses 11 dias até o jogo com o Guarani para ter este pessoal voando e conseguir um bom resultado. Lembrando que será o nosso terceiro jogo fora de casa” disse Mazola.

Sobre a arbitragem, o técnico Mazola Junior reclamou dos acréscimos. “O Marielson fez uma boa arbitragem. Só não entendi porque ele deu tanto tempo de acréscimo. Não houve tanta paralisação e nem cera para justificar esse tempo. O lance com o Bernardo foi um lance casual. Ele tomou uma bolada. Não foi cera. E ele deu mais alguns minutos” reclamou.

“Jogar aqui (Rei Pelé), sempre é muito difícil. A torcida sempre empurra o time da casa. Pelo jogo todo o resultado foi justo. Pelas circunstâncias que me deixa chateado. ” O pênalti aconteceu, mas igual a este lance o Ituano já teve vários e não foi marcado. O que contestei a arbitragem foi o tempo de acréscimo”, finalizou Mazola.

Confira também: