Red Bull Bragantino cobra CBF por linha "torta" traçada pelo VAR

O Toro Loko foi prejudicado pela arbitragem na derrota para o Botafogo

Diretoria do Red Bull Bragantino quer saber como que a linha que detectou impedimento de Artur foi traçada pelo VAR

Categorias: Futebol Interior

Por: Agência Futebol Interior, 05/07/2022

impedimento bragantino
Linha de impedimento traçada pelo VAR no jogo do Red Bull Bragantino

Bragança Paulista, SP, 05 (AFI) – O Red Bull Bragantino promete cobrar da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) explicações sobre a linha de impedimento traçada pelo VAR no gol marcado por Artur e que foi anulado pelo árbitro de vídeo.

O clube quer saber como é que a linha foi traçada e também porque não foi mostrada ao vivo, como havia definido a CBF há algumas semanas. A imagem divulgada pelo VAR, a linha está claramente torta.

“A gente teve os gols anulados e até pediria pra vocês que vissem a imagem que foi divulgada da linha traçada e reparem na cor do gramado. Para mim essa linha está traçada de forma equivocada, errada. E é bem claro isso, mas não posso afirmar se estaria ou não (impedido). E que os responsáveis possam responder se Artur estava (impedido) ou não”, disse o técnico Maurício Barbieri.

Essa não foi a única reclamação do Red Bull Bragantino. O clube também contesta a não marcação de um pênalti em cima de Helinho. O árbitro Ramon Abatti Abel chegou a ser chamado pelo VAR, mas manteve a decisão de campo e mandou o lance seguir.

“O lance do Helinho é um pênalti porque o Cuesta deixa a perna esticada e toca nele. Se foi força excessiva, força fraca, se não foi, não interessa. Na regra não está prevista ‘se eu tocar de leve não é falta’. Ele impediu a progressão do Hélio”, afirmou Barbieri.

A derrota deixou o Red Bull Bragantino perto da zona de rebaixamento do Brasileirão, com 18 pontos.

Confira também: