Paranaense: Prefeitura de Curitiba reduz público nos estádios em 70% após aumento de casos de Covid-19

Capital do Paraná registrou aumento de 1.204,2% de casos diários de Covid-19

Decreto ficará em vigor, por ora, até 20 de janeiro

Categorias: Grandes clubes do Brasil

Por: Agência Futebol Interior, 14/01/2022

2017 SiteOficial 01 ori
Público reduzido em Curitiba. (Foto: Divulgação)

Curitiba, PR, 14 (AFI) – A nova onda de casos de Covid-19 fez a prefeitura de Curitiba tomar uma dura decisão. Em decreto, a Prefeitura reduziu o público em estádios e eventos esportivos em 70%. O decreto ficará em vigor, por ora, até 20 de janeiro.

“Considerando o aumento expressivo dos casos de covid-19 da variante ômicron e com a declaração de epidemia da Influenza A (H3N2) pela Secretaria Estadual de Saúde do Paraná, nesta quarta-feira (12/1), Curitiba prorroga por mais sete dias a bandeira amarela, reduzindo a ocupação nos estabelecimentos a 70% de sua capacidade total como medida de cautela sanitária”, diz o decreto.

AUMENTO!
A capital do Paraná registrou aumento de 1.204,2% de casos diários de Covid-19. O decreto pode ser renovado se a onda não diminuir.

“Este novo decreto mantém as medidas de combate à pandemia adotadas desde o início de dezembro – como a obrigatoriedade do uso de máscara em espaços públicos ou de uso coletivo em Curitiba e a proibição de consumo de bebidas alcoólicas em via pública – e determina que a ocupação não deve ultrapassar 70% da capacidade de público prevista no Certificado de Licenciamento do Corpo de Bombeiros (CLCB)”, segue o decreto.

Principais clubes da capital, Athletico-PR, Coritiba e Paraná não pretendem tentar a liberação na Justiça. Os clubes estariam de acordo com o decreto da cidade.

Confira também: