Rio Preto 1 x 2 Portuguesa - Não custa sonhar, né Lusa?

Time paulista chega a terceira vitória e encosta no G4

por Agência Futebol Interior

São José do Rio Preto, SP, 01 (AFI) - A Portuguesa conseguiu se manter na briga pela classificação à próxima fase da Série A2 do Campeonato Paulista com a vitória sobre o Rio Preto, por 2 a 1, no Estádio Anísio Haddad, em São José do Rio Preto, pela 15ª rodada.

A terceira rodada seguida levou à Lusa aos 22 pontos, em sétimo lugar, apenas um atrás do Batatais, que perdeu para o Água Santa, por 2 a 0, na abertura da rodada. O Rio Preto, por outro lado, é apenas antepenúltimo com 13 pontos, dois fora da zona da degola.

Portuguesa fez dois gols rápidos e depois se garantiu lá atrás. Fotos: José Paulo Necchi Oliveira
Portuguesa fez dois gols rápidos e depois se garantiu lá atrás. Fotos: José Paulo Necchi Oliveira
O JOGO
A Portuguesa passou por apuros no começo da partida. O Rio Preto montou uma pequena blitz e criou boas chances de gol, em finalização de Obina e cabeçada de Ednei. Nas duas vezes, Berna apareceu bem para segurar o placar.

Na primeira boa subida ao ataque, a Lusa conseguiu abrir o placar. Aos 12 minutos, Adilson segurou bola e como estava sozinho no meio do sistema defensivo resolveu bater para o gol. A bola desviou no meio do caminho e enganou o goleiro André, que nada pode fazer.

Logo em seguida, a Lusa aproveitou outra desatenção do adversário e ampliou o placar. Aos 14 minutos, depois de boa troca de passes, Amaral levantou para a área e Tárik apareceu entre os zagueiros para desviar de cabeça para o fundo das redes.

Rio Preto jogou bem e criou muitas chances, mas não chegou ao empate
Rio Preto jogou bem e criou muitas chances, mas não chegou ao empate
PARECIA TRANQUILO
A Portuguesa parecia confortável no jogo com dois gols em dois ataques. O Rio Preto, porém, não estava disposto a desistir e diminuiu ainda no primeiro tempo. Aos 24 minutos, Juan pegou a sobra pelo lado direito e finalizou forte. Berna não teve chances e acabou buscando a bola no fundo das redes.

A acomodação dos visitantes permitiu que o Rio Preto acreditasse no empate ainda na primeira etapa, mas a falta de qualidade do Jacaré pesou e a única chance clara veio em jogada de bola parada. Gustavo testou firme, mas errou o alvo.

O Rio Preto voltou para o segundo tempo com a mesma postura da primeira etapa, ainda perdendo gols. Logo no início, Wangler colocou boa bola para Jonatas Obina ficar cara-cara com gol. O atacante demorou a finalizar e parou em Ricardo Berna. que fez grande defesa.

FIRME NA MARCAÇÃO
Apesar da pressão inicial, a Portuguesa conseguiu se segurar e praticamente não foi ameaçada. As únicas oportunidades foram em finalização de fora da área. Em chute de Wangler, Berna espalmou para a linha de fundo mais uma vez.

As subidas ao ataque animaram o Rio Preto, que se lançou de qualquer jeito para tentar o empate. Com quatro atacantes em campo, os donos da casa conseguiram carimbar a trave em finalização de João Henrique, mas o empate persistiu até o final.

PRÓXIMOS JOGOS
O Rio Preto volta ao campo contra o Água Santa, no próximo sábado, às 15 horas, no Distrital do Inamar, em Diadema. No domingo, a Portuguesa faz o clássico contra o Guarani, no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas, às 11 horas

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
15ª rodada
Data
01/04/2017
Horário
16h00
Local
Anísio Haddad - São José do Rio Preto (SP)
Árbitro
Ilbert Estevam da Silva

Renda
R$ 4.970,00
Assistentes
Marco Antonio de Andrade Motta Junior e Marlon Spinola

Público
471 pagantes
Cartões Amarelos
Rio Preto: Wagner, Gustavo
Portuguesa: Leandro Domingues, Vinícius Gouveia, Bruno Santos

Gols
Rio Preto: Juan Melgarejo 24' 1T
Portuguesa: Adilson 12' 1T, Tárik 14' 1T
Rio Preto
André Lucas;
Juan Melgarejo, Gustavo, Ednei e Gleidson;
Ewerton (Sávio), Leandro Brasilia, Wangler e Fagner (João Henrique);
Jônatas Obina e Bruno Nunes (Luiz Fernando)
Técnico: Ferreirão
Portuguesa
Berna;
Amaral (Bruno Santos), Vinicius Gouveia, Everton e Tiago Feltri;
Dinho, Fernando (Bruno Xavier), Tárik e Leandro Domingues (Rico);
Luizinho e Adilson
Técnico: Estevam Soares
 
 
" />