Série B: Ponte Preta quer usar pausa da Copa América para replanejar elenco

Além de contratar peças pontuais, diretoria almeja se desfazeer se jogadores encostados para aliviar folha salarial

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 13 (AFI) - Enquanto os atletas ganharam folga até 24 de junho, a diretoria da Ponte Preta trabalha forte para entregar ao técnico Jorginho um elenco ainda mais fortalecido na sequência da Série B do Campeonato Brasileiro.

Além de buscar reforços pontuais, com foco ao sistema ofensivo, uma das prioridades na Macaca é reduzir o plantel e enxugar a folha salarial, em razão das dificuldades financeiras.

Sem perspectiva de espaço com a atual comissão técnica, três nomes estão na lista dos 'dispensáveis': Giovanni, Tiago Real e Thalles. A esperança é que o trio receba propostas para serem desligados durante o recesso.

TIAGO REAL

O meio-campista começou a temporada como titular sob comando de Mazola Júnior, mas perdeu muito prestígio com a atual comissão técnica em razão do fraco desempenho.

Com um dos maiores salários do elenco, Tiago Real não atua pela Macaca desde abril - PontePress
Com um dos maiores salários do elenco, Tiago Real não atua pela Macaca desde abril

Tiago segue treinando normalmente com o elenco, mas sequer compõe o banco de suplentes - não entra em campo desde 03 de abril, na eliminação diante da Aparecidense, pela Copa do Brasil.

Na final do Troféu do Interior, viu a derrota nos pênaltis do lado de fora. Com alto salário para os padrões campineiros, haja visto não ser utilizado, cúpula alvinegra busca se desvencilhar de Real o quanto antes - o CSA sondou o armador em maio, mas as tratativas não evoluíram.

GIOVANNI

Após boa passagem pelo América-MG, o lateral-esquerdo chegou com moral e boas possibilidades de lutar pela titularidade com Diego Renan, antes do surgimento de Abner. As más atuações e lesões musculares reduziram seu espaço.

Sua última participação - são dez no ano - foi no empate com o Criciúma em 1 a 1, em 02 de maio, quando esteve em campo por 25 minutos.

O jogador acabou relacionado por Jorginho na vitória em cima do Operário, duas semanas depois, mas não foi acionado. Agora, sequer tem sido convocado.

THALLES

Artilheiro do elenco no ano com cinco gols, se recupera de lesão na panturrilha, mas perdeu espaço após a contratação de Roger, além da concorrência de Facundo Batista.

Sem atuar desde 10 de maio, no empate sem gols com o Vila Nova, em Goiânia, despertou o interesse do América-MG. As conversas esfriaram, mas a iminente saída de Júnior Viçosa durante a pausa para a Copa América pode fazer com os planos se reaqueçam - o nome ainda depende de aprovação do treinador Maurício Barbieri.

Mesmo com cinco gols no ano, Thalles está fora dos planos da Ponte Preta - PontePress
Mesmo com cinco gols no ano, Thalles está fora dos planos da Ponte Preta

O prestígio de Thales junto à torcida despencou em razão dos pênaltis desperdiçados contra Red Bull Brasil e Coritiba, além da fraca participação em campo.

Contestado, o atleta está emprestado pelo Vasco da Gama até o término da Série B, mas tem retorno descartado ao Rio de janeiro.