Torcida da Ponte Preta se sacrifica e vai até Araraquara por falha da diretoria

Clube perdeu dois mandos por defesa mal argumentada no STJD. TC10+ 'oferece' três ônibus até Araraquara

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 4 (AFI) – Depois de dar uma grande vacilada e perder dois mandos de campo no Campeonato Brasileiro da Série B, a diretoria da Ponte Preta tenta atenuar todo o transtorno causado ao seu torcedor.

O clube vai liberar três ônibus para levar de graça os Torcedores Camisa 10+ adimplentes até a Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, onde a Ponte Preta enfrenta o Avaí na noite deste sábado, pela 19.ª rodada da Série B. (Fotos de Fabio Leoni - AAPP)

Ponte Preta venceu o Fortaleza por 2 a 0 no Majestoso com quase 10 mil torcedores
Ponte Preta venceu o Fortaleza por 2 a 0 no Majestoso com quase 10 mil torcedores

MARCADA INUSITADA
A Ponte Preta pegou dois jogos de suspensão, sem poder jogar em seu estádio, de uma forma inusitada. Mesmo com portões fechados e sem torcida, o Majestoso não teria oferecido segurança à arbitragem.

Tudo ocorreu na oitava rodada no jogo com portões fechados entre Ponte Preta e Oeste. Um rojão foi atirado de fora do estádio e teria caído bem perto de um dos bandeirinhas.

O fato foi relatado na súmula e a Ponte Preta não conseguiu identificar o culpado, nem tomou qualquer medida que garantisse a segurança do jogo.

O que é feito de praxe por todos os clubes, nestes casos, é que o torcedor é identificado e encaminhado a uma delegacia para o registro do Boletim de Ocorrência (BO). No Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STSD) o clube acabou penalizado com a perda de dois mandos.

OITO MANDOS PERDIDOS
Antes já tinha sofrido com a perda de dois mandos, com portões fechados, por seis jogos. Isso devido a invasão de campo promovida por alguns torcedores, ano passado, na partida em que a Macaca perdeu para o Vitória, por 3 a 2. Na sequência foi rebaixada à Série B do Brasileiro.

O clube, desta forma, só disputou um jogo com a presença de sua torcida. Foi na vitória sobre o Fortaleza, por 2 a 0, quando quase dez mil torcedores foram ao Majestoso. Neste primeiro turno, portanto, o clube disputou oito jogos sem o apoio de sua torcida na Série B.

Macaca perdeu do Juventude por 1 a 0 na Fonte Luminosa
Macaca perdeu do Juventude por 1 a 0 na Fonte Luminosa

PREJUÍZO E RETORNO
O prejuízo financeiro por estes problemas giram em torno de 2% da receita bruta do clube, algo perto de R$ 600 mil. Sem contar o prejuízo técnico, afinal mandou seus jogos sem o apoio e a presença de sua fanática torcida.

O time já cumpriu um jogo de punição em Araraquara, quando perdeu para o Juventude por 1 a 0. O reencontro com a torcida vai acontecer somente no dia 14 de agosto, pela 21.ª rodada, contra o Criciúma. Isso porque na abertura do returno, a Macaca vai enfrentar o Paysandu, em Belém, no dia 7 de agosto.

AS SENHAS
Os interessados devem pegar senha neste sábado das nove ao meio dia, na sala do TC10+, no Majestoso. A senha é dada por ordem de chegada e os ônibus sairão da frente do Majestoso às 15 horas do sábado.

Os Torcedores camisa 10+ que quiserem ir podem pegar ingresso na sala do TC10+ gratuitamente. Quem não fizer isso, mas for para Araraquara, também poderá pegar o seu na Fonte Luminosa.

Estes três ônibus vão levar perto de 150 pessoas até a Fonte Luminosa e dá bem a dimensão do prejuízo do clube e da torcida. Poucos torcedores devem ir até Araraquara, distante perto de 230 quilômetros de Campinas. A expectativa é pela presença de apenas 500 torcedores, pouco menos do número contra o Juventude - mais de 600. Este jogo dentro do Majestoso, com certeza, reuniria de três a cinco mil torcedores.

SÓ IDENTIFICAÇÃO
O clube vai disponibilizar um funcionário a partir das 17 horas lá em Araraquara, com uma lista dos TC10+ adimplentes e, independentemente de ir nos ônibus ou não, qualquer torcedor camisa 10 em dia poderá se identificar com a carteirinha e pegar lá gratuitamente o ingresso a que tem direito.

Para quem não é TC10+ pode comprar ingresso no Majestoso ou diretamente nas bilheterias em Araraquara por R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

 
 
" />