Inter de Limeira 1 x 0 São Caetano - Inter com vaga nas mãos e Azulão volta à Série À2

O São Caetano é o lanterna geral e está rebaixado para a Série A2, de onde veio ano passado. Não venceu em 11 jogos.

por Agência Futebol Interior

Limeira, SP, 3 (AFI) - Com um gol do lateral Rafael Santos aos 49 minutos do segundo tempo, a Inter de Limeira venceu o São Caetano, por 1 a 0, nesta segunda-feira à noite, no Limeirão, pela 10.ª rodada do Campeonato Paulista.

Esta foi a quarta vitória seguida dos limeirenses, que estão com 15 pontos, na vice-liderança do Grupo A e praticamente classificada às quartas. Com apenas três pontos e sem vencer em 11 jogos, o São Caetano é o lanterna geral e está rebaixado para a Série A2, de onde veio ano passado.

VEJA OS MELHORES MOMENTOS

GOL DO TÍTULO ?
Num jogo fraco tecnicamente, o grito de gol ficou guardado até o final. Após cobrança de falta no ataque, a defesa rebateu e a bola caiu no peito de Rafael Santos, quase na linha da grande área. Ele bateu forte, no ângulo, sem chances para o goleiro Luiz. Era o gol da vitória, festejado pelos jogadores como a conquista de um título.

Na 11.ª rodada, a Inter de Limeira vai pegar o São Bento, outro clube ameaçado pelo rebaixamento. Na última rodada vai receber em Limeira o Guarani. Só precisa de um ponto (chegando aos 17 pontos) para se garantir entre os oito melhores da temporada.

A única ameaça é o Botafogo, que pode chegar aos 16 pontos se vencer seus dois últimos jogos. Mas a vantagem em número de vitórias é da Inter: 5 a 2 no momento.

O São Caetano, porém, só fará mais um jogo, recebendo a Ferroviária no estádio Anacleto Campanella. Só vai cumprir tabela.

Rafael Santos bateu de primeira aos 49 minutos
Rafael Santos bateu de primeira aos 49 minutos
ESFORÇO X LENTIDÃO

Com a obrigação de vencer para se manter vivo na competição, o São Caetano iniciou o jogo com mais posse de bola, propondo o jogo e tentando chegar ao ataque. Mas como todo time formado de última hora, faltou entrosamento e uma melhor condição física.

A Internacional sentiu a pressão e priorizou a marcação, que funcionou porque o visitante não acertou nenhum chute a gol no primeiro tempo. Mas não soube como aproveitar os contra-ataques, porque teve muita lentidão nos passes no meio-campo.

Com isso, os atacantes ficaram isolados e só recebendo bolas em ligação direta. Só teve uma chance nu chute de fora da área de Felipe Saraiva, que Luiz deu um leve toque e mandou a bola para escanteio aos 39 minutos. Foi o único chute a gol dos dois lados.

NO TRAVESSÃO
O segundo tempo começou mais movimentado com dois chutes da Inter em cima do goleiro Luiz. Aos 13 minutos, quase que o São Caetano abriu o placar. Walter fez um passe perfeito para a finalização de Pira. Ele chutou apertado por Thalison, o goleiro Jeferson Paulino deu um tapa na bola que explodiu no travessão.

Os dois técnicos ainda tentaram fazer suas trocas. Thiago Carpini, na Inter, para tentar ganhar ofensividade, e Paulinho Maclaren, no São Caetano, para recompor a força física. Mas o ritmo de jogo caiu muito e ninguém mais finalizou com perigo. Até os 49 minutos, quando saiu o gol.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
10ª rodada
Data
03/05/2021
Horário
20h00
Local
Major Levy Sobrinho - Limeira (SP)
Árbitro
Luiz Flávio de Oliveira

Assistentes
Alex Ang Ribeiro e Paulo César Modesto

Cartões Amarelos
Inter de Limeira: Rondinelly, Felipe Saraiva
São Caetano: Daciel, Samuel Neres, Carlos Alexandre

Gols
Inter de Limeira: Rafael Santos 49' 2T
Inter de Limeira
Jefferson Paulino;
Matheus Alexandre (Weliton), Renan Fonseca (Lucas Balardin), Thalisson Kelven e Rafael Santos;
Deivid, Igor Henrique (Pedro do Rio) e Rondinelly (Thiaguinho);
Felipe Saraiva, Roger (Lucas Batatinha) e Bruno Xavier
Técnico: Thiago Carpini
São Caetano
Luiz;
Samuel Neres, Polidoro, Carlos Alexandre e Daciel (Guilherme Castro); Warian, Charles e Guilherme Portuga (Ruan);
Pira (Renan), Walter (Carlinhos) e Emerson Lima (Filipe Carvalho).
Técnico: Paulinho McLaren