Série C: Após título, Dal Pozzo cita Aflitos e torcida como trunfos do Náutico

Treinador celebrou bastante o primeiro título nacional da história do clube alvirrubro

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 06 (AFI) - Gilmar Dal Pozzo colocou, neste domingo, o nome na história do Náutico, como o técnico que levou a equipe ao seu primeiro título nacional. Os méritos, conforme o próprio treinador, precisam ser divididos com a torcida, que foi muito importante durante esta temporada simbólica, marcada pelo retorno do Timbu aos Aflitos.

O empate por 2 a 2 no Castelão só deu o título para o Náutico graças ao grande desempenho do time nos Aflitos, onde venceu o Sampaio por 3 a 1. Por isso, a equipe poderia até mesmo ter perdido por um gol de diferença que a taça viria da mesma forma.

Foto: Léo Lemos / CNC
Foto: Léo Lemos / CNC

“Gratidão ao torcedor, principalmente a diretoria, pela confiança. Jogar nos Aflitos é sensacional, ter essa conexão com o nosso torcedor, incorporou. O náutico voltou a ser forte no cenário nacional, pela gestão e pela força de jogar nos aflitos fez toda a diferença”, comentou Dal Pozzo em entrevista à Rádio CBN.

“É um momento importante, em 118 anos o clube na tinha conquistado um título nacional. Eu também como jogador e técnico só bati na trave, na Chapecoense, em Portugal. Hoje a gente pôde conquistar essa”, completou.