Negociação trava e meia do São Paulo fica distante de rival do Brasileirão

Como a negociação com Nenê esfriou, o Fortaleza foi ao mercado em busca de outros reforços

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 09 (AFI) - O desejo de Rogério Ceni em contar com o futebol de Nenê no Campeonato Brasileiro não deve se concretizar. A negociação envolvendo o meia do São Paulo esfriou e a diretoria do Fortaleza está atrás de outros reforços.

O presidente Marcelo Paz revelou que não mediu esforços para contratar o jogador de 37 anos, teve várias reuniões com dirigentes do São Paulo, mas a negociação esfriou depois que ele voltou a ser utilizado pelo técnico Cuca.

A negociação envolvendo Nenê e Fortaleza esfriou nas últimas semanas
A negociação envolvendo Nenê e Fortaleza esfriou nas últimas semanas
Sem um desfecho positivo, a diretoria tricolor foi atrás de outros reforços, o que acabou comprometendo o orçamento - Kieza (Botafogo) fechou e André Luis (Corinthians) está próximo. Por tudo isso, de acordo com Marcelo Paz, a contratação de Nenê "é algo bem mais distante".

Com o sistema ofensivo reforçado, o Fortaleza está no mercado em busca de zagueiro. Essa, inclusive, é uma carência que o elenco tricolor tem desde o início do ano. No entanto, a diretoria evita falar em nomes de possíveis interessados.

Neste início de Brasileirão, o Fortaleza tem três pontos em três jogos e volta a campo no domingo, contra o São Paulo, às 19 horas, na Arena Castelão.