Flamengo reage à mala branca do Inter e fala em "manipulação de resultado"

Mengo superou o Inter na rodada passada e asusmiu a liderança com dois pontos de vantagem

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 22 (AFI) - A diretoria do Flamengo prometeu reagir com denúncia ao Ministério Público a afirmação de Elusmar Maggi Scheffer, torcedor do Internacional, que dará "mala branca" (incentivo em dinheiro) ao São Paulo na rodada final do Campeonato Brasileiro.

O Tricolor paulista enfrentará o Flamengo, novo líder do Brasileirão com 71 pontos, na quinta-feira, às 21h30, no Morumbi. O Mengo é o único concorrente do Inter na briga pelo título. No mesmo dia e horário, o Colorado receberá o Corinthians no Beira-Rio, em Porto Alegre.

Subiu o tom. (Foto: Divulgação)
Subiu o tom. (Foto: Divulgação)
"Manipulação de resultado sob qualquer forma é crime previsto no estatuto do torcedor, ainda mais quando são jogos da loteria federal. Hoje mesmo vamos encaminhar notícia crime ao MP e à polícia. Esse torcedor pode ser rico, mas vê-se que não é preparado", escreveu Rodrigo Dunshee, vice-presidente geral e jurídico do Flamengo, em suas redes sociais.

MECENAS!

Elusmar Maggi Scheffer ficou famoso na última semana ao depositar R$ 1 milhão nas contas do Inter, que pagou para o Flamengo para ter Rodinei em campo. O jogador pertence aos cariocas, mas atuou pelo Colorado.

Rodinei, porém, foi expulso na derrota do Inter, por 2 a 1, para o Flamengo no Maracanã. O Colorado perdeu a liderança e já não depende mais de si para encerrar jejum de 41 anos sem conquistar o Brasileirão.