Corinthians 0 x 2 Red Bull Bragantino - 'Linguiça Voadora' começa a se firmar na Sula

O time do interior paulista vem encaminhando sua vaga no torneio continental

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 25 (AFI) - O Red Bull Bragantino engatou a terceira vitória seguida no Campeonato Brasileiro e impediu que o Corinthians se aproximasse do G-6 ao vencer o rival por 2 a 0, na noite desta segunda-feira, em plena Neo Química Arena, pela 32ª rodada.

Com o resultado, o Bragantino ficou na 11ª colocação, com 44 pontos, se firmando dentro da zona da Sul-Americana. O Corinthians, por outro lado, ficou com 45, perdendo grande oportunidade de se aproximar do grupo da Copa Libertadores.

RÁDIO FI COM GOL DE PLACA
Mais uma vez a parceria entre Rádio Futebol Interior e equipe GOL DE PLACA esteve em ação. O jogo no Neo Química Arena teve uma grande audiência na web, com 17,5 mil ouvintes, além de atingir 40 mil pessoas alcançadas no Facebook, com oito mil engajamentos e quase 19 mil visualizações.

VEJA OS MELHORES MOMENTOS E OS GOLS

RELÂMPAGO!
O Red Bull Bragantino não deixou o Corinthians respirar. Logo no minuto inicial, Fábio Santos saiu errado e entregou a bola para Helinho. O atacante arriscou de fora da área e mandou no fundo das redes, sem chance para o goleiro Cássio.

O Corinthians ainda encontrou forças para responder em chute de Mateus Vital. Cleiton segurou, mas por pouco não entrou com a bola e tudo. O goleiro ainda fez grande defesas em tentativas de Ramiro e Fagner, todas de fora da área, além de Cazares, este mais próximo ao gol.

O Bragantino, no entanto, foi mais eficaz e ampliou aos 41 minutos. Ardelan deixou para Ytalo, que ajeitou na medida para Claudinho. O meia tocou por cima de Cássio para fazer 2 a 0. O Corinthians ainda tentou responder, mas sem sucesso.

Red Bull Bragantino vence o Corinthians
Red Bull Bragantino vence o Corinthians

DEU BRAGANTINO!
No segundo tempo, o Corinthians mostrou certo nervosismo e começou a errar de forma exagerada. Já o Red Bull Bragantino fez a bola rolar e apertou quando achou necessário. Ricardo Ryller recebeu em boa posição e chutou. Cássio fez grande defesa. Claudinho também tentou, na sequência, mas foi travado pela defesa rival.

Sem espaço, o Corinthians continuou arriscando de fora da área, mas encontrou Cleiton em uma noite iluminada. E era o Red Bull quem ficou mais perto do terceiro gol. Ligger recebeu livre dentro da área e exigiu um milagre de Cássio após desvio de cabeça.

Claudinho e Helinho marcaram os gols do Bragantino
Claudinho e Helinho marcaram os gols do Bragantino

Antes do apito final, Fábio Santos chegou a tirar do goleiro e chutou, mas viu Léo Ortiz chegar a tempo para evitar o gol.

Ainda deu tempo para algumas confusões com os ânimos mais exaltados, mas nada que estragasse o triunfo do Red Bull Bragantino.




PARA MANCINI, FALTOU CONCENTRAÇÃO AO CORINTHIANS


PRÓXIMOS JOGOS
Na próxima rodada, o Red Bull Bragantino visita o Internacional no domingo, às 18h15, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS). Já o Corinthians visita o Bahia na quinta, às 19h, na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), pela partida atrasada da 30ª rodada.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
32ª rodada
Data
25/01/2021
Horário
20h00
Local
Neo Química Arena - São Paulo (SP)
Árbitro
Bruno Arleu de Araujo (RJ)

Assistentes
Bruno Boschilia (PR) e Michael Correia (RJ)

Cartões Amarelos
Corinthians-SP: Léo Natel, Ramiro, Gabriel Pereira, Otero, Everaldo
Red Bull Bragantino-SP: Helinho, Aderlan, Léo Ortiz, Cuello

Gols
Red Bull Bragantino-SP: Helinho 1' 1T, Claudinho 41' 1T
Corinthians-SP
Cássio;
Fagner, Gil, Bruno Méndez e Fábio Santos;
Gabriel, Ramiro (Gabriel Pereira), Gustavo Mosquito (Léo Natel), Cazares (Luan) e Mateus Vital (Otero);
Jô (Everaldo).
Técnico: Vágner Mancini
Red Bull Bragantino-SP
Cleiton;
Aderlan, Léo Ortiz, Ligger e Edimar;
Raul, Ricardo Ryller (Eric Ramires) e Claudinho (Bruno Tubarão);
Artur (Leandrinho), Helinho (Cuello) e Ytalo (Jan Hurtado).
Técnico: Maurício Barbieri