Copa da Ásia: Meia do Tottenham chega a Dubai para defender a Coreia do Sul

Son não disputou as primeiras partidas por conta de um acordo entre a Associação Sul-Coreana de Futebol e o clube inglês

por Agência Estado

São Paulo, SP, 14 - O meia-atacante Son Heung-Min desembarcou nesta segunda-feira em Dubai e se juntou aos seus companheiros da seleção da Coreia do Sul para participar da sequência da Copa da Ásia, que está sendo realizada nos Emirados Árabes Unidos, após participar de compromissos do Tottenham nos últimos dias.

Na chegada ao aeroporto de Dubai, Son posou para fotos ao lado de fãs e autografou camisetas, um dia após defender o Tottenham na derrota por 1 a 0 para o Manchester United, em partida disputada no estádio de Wembley e válida pelo Campeonato Inglês.

O meia Son Heung-Min não atuou nos primeiros jogos da Copa da Ásia por conta de um acordo entre a Associação Sul-Coreana de Futebol e o Tottenham
O meia Son Heung-Min não atuou nos primeiros jogos da Copa da Ásia por conta de um acordo entre a Associação Sul-Coreana de Futebol e o Tottenham
A Copa da Ásia se iniciou em 5 de janeiro, mas, por um acordo entre a Associação Sul-Coreana de Futebol e o Tottenham, só agora ele se apresentou para a disputa do torneio continental.

Assim, além do duelo com o Manchester, também defendeu o clube londrino em outros compromissos neste início de ano, como a vitória por 1 a 0 sobre o Chelsea, no dia 8, pelas semifinais da Copa da Liga Inglesa.

VALE A PRIMEIRA COLOCAÇÃO
A Coreia do Sul já está classificada às oitavas de final da Copa da Ásia, mas Son deverá ser aproveitado na rodada final do Grupo C. Na quarta-feira, a sua seleção vai duelar com a China, em Abu Dabi, no confronto que valerá o primeiro lugar da chave - ambas as equipes somam seis pontos, mas os chineses estão à frente pelo saldo de gols.

Com a sua presença na Copa da Ásia, Son disputará o seu terceiro torneio internacional em menos de um ano. Após a participação na Copa do Mundo da Rússia, o meia-atacante perdeu o começo da temporada 2018/2019 para participar dos Jogos Asiáticos. Ele liderou o time na conquista do título, algo que o levou a ser liberado de realizar o serviço militar no seu país.

 
 
" />