Fifa remarca Brasil x Argentina, pelas Eliminatórias para 22 de setembro

Partida foi interrompida aos cinco minutos de jogo por argentinos estarem desrespeitando regras sanitárias

Categorias: Seleção Brasileira

Por: Agência Estado, 22/04/2022

20190703025359 250
Confronto do primeiro turno acabou não acontecendo - Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Campinas, SP, 22 – Chamado de “clássico da Anvisa”, o duelo entre Brasil e Argentina pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022 tem, enfim, uma data. A Fifa decidiu que a partida, que havia sido suspensa em 5 de setembro do ano passado, será realizada no dia 22 de setembro. Falta, ainda, escolher horário e local do confronto, o que ficará a cargo da CBF.

Colin Smith, Chefe de Competições e Eventos da Fifa, informou por email a CBF e a AFA sobre a data escolhida para o clássico. A entidade máxima do futebol avisou que a CBF tem até o dia 22 de junho para decidir em que estádio será realizado o jogo. Em em contato com o Estadão, a CBF afirmou que recebeu o documentou da Fifa hoje e vai “discutir internamente os próximos passos”.

JOGO INTERROMPIDO

Os cinco minutos daquela partida em agosto do ano passado foram disputados na Neo Química Arena, em São Paulo. Mas não há nada que obrigue a CBF a manter o estádio do Corinthians como palco do duelo.

A partida válida pela sexta rodada das Eliminatórias fora interrompida aos cinco minutos do primeiro tempo por representantes da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) que entraram no campo devido ao ingresso no País de quatro jogadores argentinos que jogam no Reino Unido e desrespeitaram as regras sanitárias brasileiras contra a covid-19.

Os quatro jogadores da seleção argentina envolvidos na polêmica, Emiliano Buendía, Emiliano Martínez, Giovani Lo Celso e Cristian Romero, foram suspensos por dois jogos por não cumprirem o Protocolo Internacional de Retorno ao Futebol da Fifa.

20190703025359 250
Confronto do primeiro turno foi interrompido. (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

POUCA IMPORTÂNCIA

O jogo tem pouca importância em relação à tabela de classificação, já que a seleção brasileira ostenta a melhor campanha da história neste formato das Eliminatórias, com 45 pontos, e não pode ser alcançada pela Argentina, que tem seis pontos a menos. Ambos fecharam de forma invicta o torneio classificatório.

No entanto, a partida tem relevância pelo fator esportivo, para completar a tabela da classificatória e também porque trata-se de um dos maiores clássicos do futebol mundial. Na ausência de jogos contra rivais europeus, a Argentina é vista como o adversário mais forte para os brasileiros antes da Copa.

MAIS BRASIL X ARGENTINA

Brasil e Argentina jogarão uma outra vez antes de se enfrentarem em setembro. Os rivais fazem um amistoso no dia 11 de junho, na Austrália. O time de Tite também tem amistosos agendados contra Coreia do Sul e Japão, em Junho, e México, em setembro.

A seleção deve se apresentar para a preparação para a Copa do Mundo do Catar no dia 14 de novembro. Os primeiros treinamentos serão na Europa. Depois, a delegação viaja a Doha. A estreia no Mundial será contra a Sérvia, dia 24 de novembro.

DANI ALVES VALORIZA VITÓRIA DO BARÇA APÓS TROPEÇOS SEGUIDOS: “PRECISÁVAMOS DISSO”

Confira também: