E aquela promessa de transparência na Ponte Preta?

O assunto da provável negociação do zagueiro DG, da Ponte Preta, para o Bragantino, ganhou tremenda repercussão no seio pontepretano.

Se o valor é inferior àquilo que poderia ser pedido no negócio, nem cabe discussão pra quem anda com cofre esvaziado, como a Ponte Preta.

Categorias: Colunas

Por: ARIOVALDO IZAC - -, 03/08/2022

douglas mendes zagueiro ponte preta e1659565816594
Douglas Mendes pode reforçar os cofres. (Foto: Álvaro Jr./Ponte Press)

BLOG DO ARI

Campinas, SP, 3 (AFI) – O assunto da provável negociação do zagueiro DG, da Ponte Preta, para o Bragantino, ganhou tremenda repercussão no seio pontepretano.

Este assunto traz à tona promessa de Marco Eberlin, quando eleito à presidência, sobre transparência absoluta referente às coisas do clube.

Se não para torcida e imprensa, informações a conselheiros, como se eles – ao tomarem conhecimento – não as repassariam à imprensa.

Custaria o dirigente esclarecer a real situação referente ao atleta, inclusive sobre valores especulados em torno de R$ 10 milhões?

BLOG DO ARI – ENTRE E DEIXE SUA OPINIÃO !

SEM LISTA DE JOGADORES
As coisas são tão transparentes na Ponte Preta a ponto de o clube sequer divulgar lista dos jogadores relacionados para o jogo contra o CRB, na noite desta quinta-feira, em Maceió (AL).

A bem da verdade, isso tem sido praxe na maioria dos clubes, pois os chamados repórteres/setoristas ficam à mercê da assessoria de imprensa para divulgação de notícias.

De qualquer forma, não há o que contestar eventual saída do jogador, que convenceu e despertou atenção do mercado da bola.

Se o valor é inferior àquilo que supostamente poderia ser pedido pra negócio, nem cabe discussão pra quem anda com cofre esvaziado, como a Ponte Preta.

JOGO COM CRB

Se inegavelmente a Ponte Preta realizou partida convincente ao golear o Operário por 3 a 0, fica a expectativa de seu torcedor se na prática o time vai confirmar crescimento de produção diante de um CRB que tomou quatro no ‘lombo’ diante do Vasco.

Se a defesa do time alagoano está entre as mais vazadas desta Série B do Campeonato Brasileiro, com 27 gols sofridos em 21 jogos, o seu treinador Daniel Paulista ainda tem dúvidas se poderá escalar os zagueiros Gum, Gilvan e Diego Ivo, lesionados, nesta quinta-feira.

Teria a Ponte Preta condições de explorar essa instabilidade do adversário, principalmente no setor defensivo?

Também não nos esqueçamos que a pontuação do CRB é razoável, para um clube que passou algumas rodadas na zona do rebaixamento.

Hoje, com 28 pontos, a ordem do treinador Daniel Paulista é reabilitação.

E aí, Ponte Preta?


Confira também: