Natação: Último dia do Finkel começa sem novos índices para Mundial de Piscina Curta

Nas eliminatórias das oito provas disputadas em Santos, nenhum nadador conseguiu uma nova marca para a competição no Canadá

por Agência Estado

Santos, SP, 17 - O último dia de disputas do Troféu José Finkel começou sem novos índices para o Mundial de Piscina Curta que acontecerá na cidade de Windsor, em novembro. Nas eliminatórias das oito provas disputadas na manhã deste sábado, em Santos, nenhum nadador conseguiu uma nova marca para a competição no Canadá.

Uma das esperanças era Etiene Medeiros nos 100m livre. Depois de garantir o índice nos 50m livre e nos 50m costas, a nadadora não obteve uma nova marca classificatória. Ela até foi a mais rápida das eliminatórias, com o tempo de 53s26, mas ficou bem abaixo dos 51s92 definidos como índice para esta prova.

Outro que falhou na tentativa de se garantir no Mundial foi João Gomes Junior nos 50m peito. Ele também foi o mais rápido das eliminatórias, com 26s42, mas foi um pouco mais lento do que os 26s15 exigidos.

Último dia do Finkel começa sem índices para Mundial de Piscina Curta (Foto: Satiro Sodré-SSPress-CBDA)
Último dia do Finkel começa sem índices para Mundial de Piscina Curta (Foto: Satiro Sodré-SSPress-CBDA)
Apesar da manhã sem novas marcas, o técnico Fernando Vanzella elogiou o desempenho dos brasileiros até o momento, principalmente das mulheres. Já foram 32 recordes superados no José Finkel, sendo 13 de campeonato, 10 brasileiros e nove sul-americanos. Viviane Jugblut, Daiene Dias, Etiene Medeiros, Joanna Maranhão e Manuella Lyrio foram as recordistas no feminino.

"Saímos deste Finkel com várias nadadoras entre os 20 melhores índices técnicos no geral, brigando para estar neste Mundial, em Windsor. A gente sabe que os índices estão apertados. Conquistamos nesse ciclo olímpico uma postura diferente. Esse é o ponto principal. Isso não é fácil, mudar o comportamento, a postura", afirmou.

Ainda na manhã deste sábado, Gabriel Santos foi o mais rápido dos 100m livre, com o tempo 47s08. Nos 50m feminino, a primeira colocada foi Alessandra Marchioro, com 30s99. Nos 200m costas, Natalia de Luccas (2min09s93) e Guilherme Guido (1min54s75) foram os mais velozes, enquanto no 4x100m medley, o Flamengo foi o melhor tanto no masculino quanto no feminino.