Seleção da 13ª rodada do Brasileirão com formação clássica e treinador do Fogão

Portal FI traz os melhores da 13ª rodada do Campeonato Brasileiro

Categorias: Seleção da Rodada

Por: Agência Futebol Interior, 20/06/2022

Botafogo Internacional 2022
Jogadores do Botafogo comemoram vitória no Beira-Rio. Foto: Vítor Silva/Botafogo

Campinas, SP, 20 (AFI) – A 13ª rodada do Campeonato Brasileiro foi encerrada na noite desta segunda-feira com a vitória do líder Palmeiras no Choque-Rei. Por isso, agora o Portal FUTEBOL INTERIOR divulga a Seleção da Rodada, que vem formada no tradicional 4-4-2 e tem como destaque heróis da vitória do Botafogo sobre o Internacional, no Beira-Rio. Outros nomes importantes são os meias Gustavo Scarpa e Nacho Fernández, de Palmeiras e Atlético-MG, respectivamente.

CONFIRA ABAIXO A SELEÇÃO FI:


Goleiro: Bento (Athletico-PR)
Sua atuação no clássico realizado no Couto Pereira rendeu elogios dos adversários. Não foi para menos. O Coritiba foi muito superior ao Athletico-PR durante todo o jogo, mas esbarrou em uma tarde inspirada de Bento, que fez pelo menos três grandes defesas. A vitória por 1 a 0 aconteceu graças a ele.

Lateral-direito: Samuel Xavier (Fluminense)
O Fluminense foi superior ao Avaí durante todo o jogo e mereceu a vitória por 2 a 0. Samuel fez atuação segura e não se escondeu do jogo, tanto que acertou três vezes o travessão. O gol não saiu, mas se mostrou uma arma perigosa do Fluminense.

Zagueiro: Luiz Otávio (Ceará)
A partida na Arena Pantanal foi morna, mas o Cuiabá pressionou no segundo tempo em busca da vitória e acabou esbarrando em uma grande atuação do sistema defensivo do Ceará, que garantiu um ponto importante. Apesar de ser grande, Luiz Otávio não é aquele zagueiro lento. Tanto que levou a melhor por cima e por baixo sobre os atacantes adversários.

Zagueiro: Joel Carli (Botafogo)
Teve uma atuação praticamente perfeita na vitória do Botafogo sobre o Internacional, por 3 a 2. Foi um “monstro” lá atrás e não deixou o time sentir a expulsão de Philipe Sampaio logo aos três minutos de jogo. O Colorado abusou dos cruzamentos e Joel Carli foi soberano. Ainda apareceu na frente para dar uma assistência para Erison.

Corinthians Vitor Perira e1655778979478
Corinthians vencem mais uma por 1 a 0. Foto: Oficial SCCP

Lateral-esquerdo: Fábio Santos (Corinthians)
Mais uma vez foi bem defensivamente e ajudou o Corinthians a dominar o Goiás em casa. Subiu ao ataque e teve muita tranquilidade para vencer o goleiro Tadeu em cobrança de pênalti e garantir a vitória alvinegra.

Volante: Kayque (Botafogo)
Um grande achado do técnico Luis Castro. A cada partida que passa se firma mais como titular do Botafogo. Na histórica vitória sobre o Internacional, Kayque foi o motorzinho do meio-campo e mostrou fôlego para dar a arrancada que originou o gol de Hugo no último lance do jogo. O Fogão, inclusive, tem acordo encaminhado para contratá-lo em definitivo junto ao Nova Iguaçu.

Meia: Lucas Evangelista (Red Bull Bragantino)
Foi o melhor em campo no bom empate conquistado pelo Red Bull Bragantino diante do Santos, na Vila Belmiro. Toda a bola passava pelos seus pés, sendo o principal responsável pela criação das jogadas ofensivas. Mas Lucas Evangelista também foi importante na marcação.

Meia: Nacho Fernández (Atlético-MG)
O maestro do Atlético fez mais uma vez um ótimo jogo. Além da importância do argentino na criação das jogadas, Nacho foi recompensado com um dos gols que deu a vitória para o Galo.

Meia: Gustavo Scarpa (Palmeiras)

Mais uma atuação de gala de Gustavo Scarpa com a camisa do Palmeiras. Desta vez, o meia foi decisivo na vitória sobre o São Paulo, por 2 a 1, no Morumbi. Consciente, o jogador deu passes importantes e colaborou nos gols de Gustavo Gómez e Murilo na reta final do segundo tempo.

Murilo Palmeiras BR e1655778665869
Murilo coroa ‘momento especial’ no Palmeiras com gol da vitória no clássico. Foto: Palmeiras – Oficial SEP

Atacante: Airton (Atlético-GO)

Foi decisivo na vitória do Atlético-GO sobre o Juventude, por 3 a 1, em Goiânia. Ele deu apenas 17 toques na bola, mas numa delas balançou as redes e em outra deu assistência para seu companheiro fazer a alegria dos torcedores na arquibancada. Saiu como o melhor em campo.

Atacante: Cano (Fluminense)
Faz o L! Cano mais uma vez decidiu o jogo e abriu o placar logo nos primeiro minutos. Artilheiro, demonstrou que também tem muita categoria ao sair na cara do goleiro e dar um toque sutil para marcar.

Treinador: Luís Castro (Botafogo)

Na vitória mais emblemática da rodada, o Botafogo contrariou todas as expectativas e, mesmo com um jogador a menos, venceu o Internacional, por 3 a 2, no Beira-Rio. O time carioca foi prejudicado pela arbitragem e viu os gaúchos abrirem 2 a 0 no placar, contudo, prevaleceu a valentia e no final o alvinegro venceu com gol nos acréscimos. Vitória merecida e de um time que não se abateu com um homem a menos, num grande mérito do treinador português Luís Castro.

Confira também: