Liga dos Campeões: Lateral do Real Madrid lamenta despedida do clube

"A minha ideia é ficar no Real Madrid. Quero continuar aqui, já disse isso 50.000 vezes. Vou falar com o clube depois da final"

O lateral do Real Madrid, Marcelo, é pego na leitura labial se lamentando pela despedida do clube. Marcelo está há 16 temporadas no clube

Categorias: Futebol Mundo

Por: Agência Estado, 26/05/2022

Marcelo, lateral do Real Madrid
Marcelo, ex-lateral do Real Madrid. (Foto: Reprodução/ Twitter)

Campinas, SP, 26 – Há 16 temporadas no Real Madrid, o lateral-esquerdo Marcelo pode se despedir do clube neste sábado, na decisão da Liga dos Campeões contra o Liverpool, no Stade de France, em Paris. E a saída seria a contragosto. A TV espanhola Movistar Plus mostrou uma leitura labial do jogador com o companheiros Lucas Vásquez na qual o brasileiro lamenta que o clube não o quer mais.

O programa El Día Después traz leituras lábias de diferentes casos na Espanha e mostrou o que Marcelo falou com Vásquez durante o jogo final com o Bétis, no Campeonato Espanhol. “Porque o clube não vai renovar comigo? Eu tenho sido um exemplo”, falou Marcelo para o companheiro, que também mostrou-se surpreso. “É incrível, tio, não sabemos, mas não é fácil no momento.”

Marcelo, lateral do Real Madrid
Marcelo, lateral do Real Madrid. (Foto: Reprodução/ Twitter)

LATERAL QUER CONTINUAR NO REAL

A ideia do Real Madrid é que Marcelo se torne dirigente ou faça parte da comissão técnica merengue. Mas o jogador já adiantou que sonha em atuar pelo clube por mais uma temporada e, desde o dia 18 de maio, seus dirigentes já abriram conversas para uma possível renovação.

“A minha ideia é ficar no Real Madrid. Quero continuar aqui, já disse isso 50.000 vezes. Vou falar com o clube depois da final”, afirmou o jogador no começo da semana, dia no qual os jogadores do clube falaram sobre a decisão com o Liverpool e também de diversos assuntos da carreira.

PERDEU A VAGA

Marcelo ganhou tudo no clube, mas perdeu a posição na última temporada, com Mendy sendo escalado pelo técnico Carlo Ancelotti. Mesmo Vásquez, com quem batia papo, também atuou na posição, com o brasileiro sendo escalado apenas em jogos com menor importância.

Confira também: