A2: União São João luta contra tabu no quadrangular final

por Agência Futebol Interior

Araras, SP, 2 (AFI) - Líder isolado do Campeonato Paulista da Série A2 com 30 pontos e único invicto, o União São João está praticamente classificado para a fase final da competição. Mas isso não significa que o acesso está garantido. Desde 2006, o União luta para voltar a Série A1 e coincidentemente, sempre passando para segunda fase, porém como diz o velho ditado, o União de Araras sempre "nada, nada, nada, mas acaba morrendo na praia".

Veja também:
Atriz confirma que está grávida de ex-atacante da Seleção

No quadrangular final da A2 de 2006, o União de Araras ficou na terceira colocação perdendo o acesso para o Grêmio Barueri e Guaratinguetá. Em 2007, depois de realizar grande campanha na 1ª fase da competição, novamente decepcionou ficando na última colocação e as duas vagas à elite do grupo ficaram para o Rio Preto e o Mirassol.

Em 2008, outra vez o União São João se classificou para o quadrangular final, mas perdeu a vaga no Paulistão para Santo André e Botafogo. No ano de 2009 não foi diferente, e depois de grande campanha realizada na 1ª fase, no quadrangular veio outra decepção, acabando em ultimo do grupo e perdendo a vaga para Rio Branco de Americana e para o Sertãozinho.

Com sete rodadas de antecedência, novamente o União São João está praticamente classificado para disputar um dos quadrangulares da A2 de 2010 em busca do sonhado acesso à Elite. Será que desta vez o tabu será superado?

Passado de glórias
Conhecido por revelar jogadores como o lateral-esquerdo Roberto Carlos, ex-jogador do Real Madrid, da Seleção Brasileira e atualmente no Corinthians, além de outros talentos do futebol brasileiro, o União São João, tradicional clube do interior paulista que chegou a figurar nos Campeonatos Brasileiros da Série A nos anos de 1993, 1994, 1995 e 1997.

O clube registra ainda em sua história em campeonatos paulistas o acesso conquistado em 1987 a Primeira Divisão, atual A1, onde permaneceu por dezoito anos até ser rebaixado em 2005 para a Série A2.