De olho no Paulistão, artilheiro do São Caetano comemora título mesmo fora de campo

Lesionado, Gleyson perdeu a reta final da Copa Paulista e torceu por seus companheiros

por Agência Futebol Interior

São Caetano do Sul, SP, 03 (AFI) - Prata da casa do São Caetano, Gleyson retornou ao Anacleto Campanella após algumas experiências por empréstimo. A principal delas no Comercial, onde foi artilheiro e conquistou o acesso à Série A-3 do Campeonato Paulista no ano passado.

Diante da ótima temporada no Bafo, o atacante pôde, enfim, debutar no profissional azulino. Oportunidade essa que foi muito bem aproveitada, pois, mesmo sem poder atuar na reta final da Copa Paulista - por conta de lesão no joelho -, encerrou o ano como principal goleador do clube com 12 gols marcados em 27 partidas realizadas.

FARO DE GOL
Também na Copa Paulista, vivenciou o melhor momento com a camisa do Pequeno Gigante. O atacante era o artilheiro da competição, com 10 tentos anotados, até se lesionar em partida contra o Santo André, pela terceira fase da disputa.

Com base no desempenho apresentado no campeonato, Gleyson falou sobre a importância que o título conquistado recentemente possui para todos que torcem pelo sucesso do Azulão.

Gleyson, artilheiro do São Caetano
Gleyson, artilheiro do São Caetano

“Muita felicidade. Independente do meu momento, afinal é difícil um jogador ficar sem jogar. Quem entrou deu conta do recado, e a torcida merecia (essa conquista). Passamos por momentos difíceis na competição. Mas fizemos ótimo trabalho e a coroação veio com esse título maravilhoso”, afirmou o atleta.

Dono de uma média de 0,58 gols por partida durante a participação na Copa Paulista, o atacante terminou a disputa como o seu segundo principal goleador. Ficando atrás apenas de Jhonny e Macena, jogadores que balançaram as redes dos rivais em 11 oportunidades.

ARTILHEIROS
Após Gleyson, a lista de artilheiros do São Caetano na temporada é composta por Jean Dias e Alex Reinaldo, ambos com cinco gols. Em seguida, aparecem nomes como Bruno Mezenga (4), Marlon, Emerson Santos e Junior Alves, todos com três tentos anotados ao longo do ano.