Flamengo 1 x 0 Matonense - SEMA cede no final e Corvo comemora primeira vitória

Com um gol aos 46 minutos, o time de Guarulhos conseguiu somar seus primeiro três pontos no quadrangular final do Paulista A3

por Agência Futebol Interior

Guarulhos, SP, 13 (AFI) - A Matonense continua sem somar pontos no quadrangular final do Campeonato Paulista da Série A3. Na tarde desta quarta-feira, o time do técnico Pinho se encontrou com o Flamengo no Antônio Soares de Oliveira e sofreu uma derrota por 1 a 0, em jogo válido pela segunda rodada da fase decisiva.

Parecia o replay do jogo passado, quando a SEMA perdeu par ao Sertãozinho com um gol sofrido aos 47 minutos do segundo tempo. Diante do Corvo, a história se repetiu. Em um jogo tenso, com três expulsões, o time do interior levou o gol mais uma vez nos acréscimos da etapa complementas, desta vez aos 46.Com o resultado, a equipe de Matão segue na lanterna do Grupo 3. O time de Guarulhos conseguiu sua primeira vitória, chegou aos quatro pontos e pode terminar a rodada na liderança.

PRESSÃO

A partida começou a cem por hora. O cronômetro não marcava nem um minuto de bola rolando, quando Wellington Carioca partiu em velocidade pela esquerda e cruzou para Daniel Bueno desviar. O goleiro Marcelo Henrique estava ligado e defendeu. Os jogadores do Corvo estavam empolgados. Apenas alguns segundos após a primeira chegada, Milton Júnior avançou pela intermediária, se livrou de marcação e chutou firme rente ao ângulo esquerdo da Águia.

A Matonense conseguiu se livrar da pressão e foi para cima. A resposta veio aos três minutos. Após cobrança de escanteio, Toninho subiu e cabeceou para uma defesa do goleiro Wagner. O Corvo estava esperto e logo voltou a estar melhor jogo, avançando ao ataque na maioria das vezes com os laterais Arthur Santos e Wellington Carioca, responsáveis pelas jogadas mais perigosas do time.

Nos últimos minutos, o Flamengo garantiu a vitória sobre a Matonense.(Marcos Vieira / AA Flamengo)
Nos últimos minutos, o Flamengo garantiu a vitória sobre a Matonense.(Marcos Vieira / AA Flamengo)

Uma das melhores chances do primeiro tempo foi do lateral-direito Flamenguista. Aos 26 minutos, Arthur Santos aproveitou uma sobra e finalizou. A bola explodiu na defesa e voltou aos pés do jogador, que tentou mais uma vez, mas parou em outra defesa do goleiro Marcelo Henrique. A partida continuou em ritmo forte e antes do intervalo as duas equipes tiveram boas chances.

CHUTOU O BALDE

O Flamengo voltou para a segunda etapa com a mesma disposição com a qual iniciou a partida e logos nos primeiros minutos já estava incomodando a defesa adversária. Aos três minutos, Milton Júnior bate escanteio venenoso. A bola fechada passou por todo mundo e por pouco não entrou direto para o gol. Aos cinco, a Matonense respondeu em cobrança de falta de Marquinhos, que chutou sobre o angula direito do gol flamenguista.

Com o tempo, as chances começaram a ficar escassas e o Corvo já criava tanto. Os jogadores da SEMA optaram por amarra o jogo e abusaram da ‘cera’ em alguns momentos. Tanto que Eduardo recebeu um cartão amarelo por demora para sair do gramado ao ser substituído. O mesmo procedimento se aplicou a Marquinhos, que demorou para cobrar um lateral.

Aos 20 minutos, a Águia precisou se retrair ainda mais. Isso porque Glauco sentou o pé em Ingro, discutiu com o árbitro e acabou sendo expulso. O time seguiu tentando segurar o jogo, usando todos os artifícios possíveis para deixar o Flamengo longe de seu campo de defesa.

A torcida marcou presença no Nino do Corvo (Foto: Marcos Viera / AA Flamengo)
A torcida marcou presença no Nino do Corvo (Foto: Marcos Viera / AA Flamengo)

Com um a mais, os flamenguistas impuseram uma pressão intensa. Mais dois jogadores da SEMA foram expulsos antes do apito final:Toninho e Eduardo. O segunda já tinha saído de campo e estava no banco de reservas quando recebeu o cartãovermelho. Aos 46, quando parecia que a superação da Matonense iria sobressair a pressão do Corvo, Bruno Mandarino cruzou na área, Carlão ajeitou de cabeça e Athtur testou firme para marcar o gol da vitória.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo neste final de semana para a disputa da terceira rodada do quadrangular final. Às 10h30 deste sábado, o Flamengo encara o Sertãozinho no Francisco Dalmaso. No domingo, a Matonense recebe o Nacional, às 10h, no Hudson Buck Ferreira.

Ficha Técnica

Fase
Quadrangular Final
Rodada
2ª rodada
Data
13/04/2016
Horário
15h00
Local
Antônio Soares de Oliveira - Guarulhos (SP)
Árbitro
Thiago Duarte Peixoto

Renda
R$ 18.615
Assistentes
Leandro Almeida dos Santos e Leonardo Tadeu Pedro

Público
3.663 pessoas
Cartões Amarelos
Flamengo: Igor Prado
Matonense: Ademir, Marcelo Lanza, Eduardo, Marquinhos

Cartões Vermelhos
Matonense: Glauco, Eduardo, Toninho
Gols
Flamengo: Arthur 46' 2T
Flamengo
Wagner;
Arthur Santos, Carlão, Igor Prado e Wellington Carioca;
Arthur, André Bilinha e Milton Júnior (Fernando Júnior);
Ingro, Daniel Bueno e Tom (Felipe Desco).
Técnico: Rogério Delgado
Matonense
Marcelo Henrique;
Julio César, Miller, Marquinhos, e Toninho;
Ademir (Vitor Hugo), Glauco, Marcelo Lanza e Edson Pio;
Medina (Kadu) e Eduardo (Jaílton).
Técnico: Pinho
 
 
" />