Fifa lança primeira estratégia global voltada exclusivamente ao futebol feminino

Ao falar sobre esta estratégia que foi qualificada pela Fifa como pioneira na história da modalidade entre as mulheres

por Agência Estado

Campinas, SP, 09 - A Fifa lançou oficialmente nesta terça-feira a sua primeira estratégia global voltada exclusivamente para o futebol feminino. Por meio da iniciativa, a entidade explicou como pretende agir de maneira mais efetiva na sua relação com confederações continentais e associações nacionais filiadas ao órgão mundial, com clubes e jogadoras, com a imprensa, torcedores e outras partes interessadas em explorar todo o potencial da modalidade dentro do seu universo feminino.

Em comunicado distribuído nesta terça, a Fifa disse que "acredita firmemente que o futebol feminino traz um benefício muito importante para as muitas meninas e mulheres envolvidas no jogo - o empoderamento". "Incentivar o empoderamento através do futebol, fazer crescer o jogo, envolver mais as meninas antes e manter as mulheres no futebol por mais tempo são elementos-chave da estratégia feminina de futebol da Fifa", destacou.

Fifa lança primeira estratégia global voltada exclusivamente ao futebol feminino
Fifa lança primeira estratégia global voltada exclusivamente ao futebol feminino
ESTRATÉGIA
Ao falar sobre esta estratégia que foi qualificada pela Fifa como pioneira na história da modalidade entre as mulheres, a secretária geral da entidade máxima do futebol, Fatma Samoura, afirmou que estava "orgulhosa" por lançá-la e garantiu que a mesma está incluída no "topo das prioridades" do organismo neste momento.

"Através de nossa nova estratégia, trabalharemos lado a lado com nossas 211 federações em todo o mundo para aumentar a participação popular, aumentar o valor comercial do futebol feminino e fortalecer as estruturas que cercam o futebol feminino para garantir que tudo o que fazemos seja sustentável e tenha fortes resultados. O mais importante é tornar o futebol mais acessível à meninas e mulheres e incentivar o empoderamento feminino, um assunto de grande importância, agora mais do que nunca", disse a dirigente.

ANÚNCIO
A Fifa fez o anúncio desta sua "primeira estratégia global" voltada exclusivamente para o futebol feminino depois de ter elegido, no mês passado, a brasileira Marta como a melhor jogadora do mundo em 2018. Essa foi a sexta vez que ela faturou a premiação (um recorde tanto no masculino quanto no feminino).

A estrela do Brasil também foi confirmada, na última segunda-feira, como uma das 15 finalistas ao prêmio de melhor do mundo que será dado pela revista France Football, tradicional publicação que pela primeira vez concederá esta honraria para as mulheres. A vencedora será conhecida em cerimônia marcada para o dia 3 de dezembro, junto com a premiação masculina, que conta com Neymar entre os finalistas.

 
 
" />