Fifa confirma Brasil entre as cinco candidaturas a receber Mundial Sub-20 de 2021

Além do Brasil, o Peru e a Indonésia são as outras nações que serão candidatos únicos ao Mundial Sub-20

por Agência Estado

Campinas, SP, 23 - A Fifa divulgou um comunicado nesta quinta-feira para confirmar que cinco candidaturas vão disputar o direito de sediar o Mundial Sub-20 de 2021. E um destes aspirantes a receber a competição é o Brasil, que manifestou o seu interesse de abrigar o torneio por meio da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

A entidade que controla o esporte mais popular do planeta lembrou que, após abrir em abril o processo para escolher a sede, estabeleceu a última terça-feira, 21 de maio, como prazo máximo de resposta ao convite feito às associações e federações nacionais filiadas.

E o órgão revelou que oito destes seus membros figuram entre aos postulantes a organizar o evento que ocorrerá daqui a dois anos, sendo duas destas campanhas são formadas por mais de um país.

CONCORRENTES

Além do Brasil, o Peru e a Indonésia são as outras nações que serão candidatos únicos ao Mundial Sub-20. Já Bahrein, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos se uniram para poder receber em conjunto a competição, enquanto Mianmar e a Tailândia também resolveram fazer um elo através de suas respectivas entidades para ter o torneio.

Por meio do comunicado divulgado nesta quinta, a Fifa esclareceu ainda que o prazo final para apresentação das propostas de candidatura vencerá no próximo dia 30 de agosto, sendo que a sede do Mundial Sub-20 de 2021 será eleita pelo Conselho da Fifa em uma reunião que ocorrerá no quarto trimestre deste ano.

Os peruanos não puderam organizar o torneio por não terem conseguido cumprir todos os requisitos solicitados pela Fifa. (Foto: Divulgação)
Os peruanos não puderam organizar o torneio por não terem conseguido cumprir todos os requisitos solicitados pela Fifa. (Foto: Divulgação)

FORA

Um dos aspirantes a receber esta próxima edição da competição, o Peru perdeu, em fevereiro deste ano, o direito de abrigar o Mundial Sub-17 de 2019.

E este evento, inicialmente marcado para ocorrer entre 5 e 27 de outubro, teve a sua sede transferida ao Brasil.

Os peruanos não puderam organizar o torneio por não terem conseguido cumprir todos os requisitos solicitados pela Fifa.

Desta forma, o Brasil foi confirmado como palco de dois grandes eventos em 2019, pois abrigará a próxima edição da Copa América, entre 14 de junho e 7 de julho.

FEMININO

Além disso, o País ainda foi anunciado pela Fifa, em março passado, como um dos nove países candidatos a receber o Mundial Feminino de 2023. Argentina, Austrália, Bolívia, Colômbia, Japão, Coreia do Sul, Nova Zelândia e África do Sul são as outras nações.