Especialista em maus resultados, Alexandre Barroso acerta com o Tupi para 2018

O novo técnico irá desembarcar em Juiz de Fora nessa segunda-feira e será apresentado no clube nesta terça, às 14h

O novo técnico irá desembarcar em Juiz de Fora nessa segunda-feira e será apresentado no clube nesta terça, às 14h

Por: Agência Futebol Interior, 30/10/2017

0002050276117 img

Juiz de Fora, MG, 30 (AFI) – Definitivamente o técnico Alexandre Barroso é um especialista em maus resultados e bons empregos. Após passar por diversos times sem sucesso em nenhum deles, o comandante acertou com o Tupi para 2018, onde irá ficar a frente do time no Campeonato Mineiro. O novo técnico vai desembarcar em Juiz de Fora nessa segunda-feira e será apresentado no clube nesta terça, às 14h.

Em contato a algumas semanas, o negócio demorou para ser concretizado pois Alexandre Barroso gostaria de contar com a sua comissão técnica de confiança, mas em razão dos profissionais permanentes do Carijó, ele foi contratado sozinho. Seguem no clube o preparador físico Luís Augusto Alvim, o auxiliar Ricardo Leão e o preparador de goleiros Walker Campos. O comandante também esperou o projeto que o clube apresentaria com um orçamento enxuto e premiações.

 Apesar de ter feito diversos trabalhos bem abaixo do esperado, Alexandre Barroso sempre teve chances em bons clubes

Apesar de ter feito diversos trabalhos bem abaixo do esperado, Alexandre Barroso sempre teve chances em bons clubes

As negociações foram feitas diretamente com o diretor de futebol, Nicanor Pires, e o supervisor, Altamiro Gomes, os quais Barroso conhece de longa data. O contrato entre as duas partes será assinado nessa segunda-feira e a apresentação a imprensa e a torcida acontece às 14h, na terça.

UM POUCO MAIS DE BARROSO
Apesar de ter feito diversos trabalhos bem abaixo do esperado, Alexandre Barroso sempre teve chances em bons clubes. Com passagens por Villa Nova-MG, Ipatinga, CRB, Cabofriense e Mamoré, Alexandre Barroso comandou o Uberlândia no Campeonato Mineiro do ano passado. Já em 2017, o treinador foi rebaixado com o Crac no Campeonato Goiano.