Corinthians Always Ready (BOL)
Corinthians 1 x 1 Always Ready-BOL - Timão empata, frusta a Fiel e termina em 2º no grupo

Corinthians empata com o Always Ready, termina em segundo no grupo e pode pegar favoritos nas oitavas

Com o time reserva, Timão saiu de campo debaixo de algumas vaias

Categorias: Grandes clubes de São Paulo

Por: Agência Futebol Interior, 26/05/2022

Corinthians só empata com o Always Ready
Timão é favorito. (Foto: Divulgação - Corinthians)

São Paulo, SP, 26 (AFI) – Na Arena Neo Química, o Corinthians pressionou, mas não conseguiu evitar o empate com o Always ReadyBOL, por 1 a 1, na última rodada da fase de grupos da Libertadores. O empate classificou o Timão, mas deixou o clube na segunda colocação do Grupo E, deixando a fiel torcida frustrada, vaiando o time na noite desta quinta-feira (26). Adson marcou para os brasileiros e Borja para os bolivianos, após falha do zagueiro Robson Bambu.

Com o empate o Corinthians terminou na segunda colocação, com nove pontos, e agora irá para o pote dois, podendo pegar no sorteio os favoritos: Palmeiras, Flamengo, Atlético-MG e River Plate-ARG. O Boca Juniors-ARG, com 10 pontos, venceu o Deportivo Cali-COL e ficou com a liderança do grupo.

DESATENÇÃO E EMPATE

Com o time reserva, o Corinthians levou um susto logo no início de jogo, aos três minutos, após cruzamento Gustavo Torres desviou em direção para o gol, obrigando o goleiro Ivan a fazer grande defesa. O lance acordou os corinthianos, que se lançaram para o ataque e quando perdia a bola, logo recuperava, Adson era o jogador mais acionado no ataque do Corinthians, aos 16 minutos, o atacante fez boa jogada e tocou para Giuliano, mas o meia finalizou por cima do gol do Always Ready. Agora invertendo a situação, aos 18 minutos, Giuliano encontrou Adson entrando sozinho na área, que de cavadinha encobriu o goleiro, abrindo o placar na Arena Neo Química.

Com o placar a frente, o Corinthians dominou a partida, após lançamento de Maycon, Mosquito tira o zagueiro da jogada e finaliza tirando tinta da trave. O time brasileiro continuava em cima, e aos 35 minutos, Júnior Moraes pegou o rebote do goleiro Taborga e balançou as redes, mas o árbitro marcou uma falta de Mosquito no lance anterior.

Como o domínio Corinthiano era grande, as chances de o time ter uma desatenção também era enorme, e não deu outra. Robson Bambu se atrapalhou na saída de bola, foi desarmado pelo Gustavo Torres que tocou para Borja, livre na ponta esquerda, finalizar e empatar a partida, aos 43 minutos. O gol foi um banho de água fria na fiel torcida presente, que viu o time ir para o vestiário com a igualdade no placar.

Corinthians empata e frusta a Fiel torcida
Corinthians empata e frusta a Fiel torcida (Foto: Divulgação/Conmebol)

PRESSÃO

O empate não servia muito para o Corinthians, que ficaria em segundo lugar do grupo, com esse pensamento o time voltou nervoso do intervalo querendo resolver logo o jogo. Já o Always armou um ferrolho, não querendo perder tempo, o técnico Filipe Almeida, que assumiu o comando no lugar do suspenso Vítor Pereira, não perdeu tempo, e logo aos 10 minutos, fez três substituições, colocando Renato Augusto, Willian e Jô.

E a substituição fez efeito, no primeiro ataque, Willian acertou a trave, acendendo a equipe dentro de campo, logo em seguida, Mantuan cruzou para Giuliano, que tentou fazer um  “corta-luz”, mas não tinha ninguém atrás dele. O tempo passava e o nervosismo do Corinthians aumentava, errando sempre o último passe antes da finalização.

A torcida pediu a Roger Guedes, que logo foi atendida pelo treinador, mas logo depois viu perder Jô, que tinha acabado de entrar, sair com uma lesão no tornozelo. Aos 35 minutos, a melhor chance do Corinthians até então, após escanteio de Renato Augusto, Robson Bambu acertou o travessão. O jogo ganhava ar de tensão, ainda mais com o gol do Boca Juniors sobre o Deportivo Cali, um gol de Always Ready poderia eliminar o time brasileiro.

BLITZ DO CORINTHIANS

Corinthians era só pressão nos minutos finais, aos 41 minutos, Du Queiroz recebeu de Adson, o volante sozinho, finalizou em cima do goleiro Galarza, no minuto seguinte Mantuan, recebeu de Willian e chutou forte para outra intervenção do goleiro do Always Ready. A blitz do Corinthians era intensa, aos 43 minutos, após cobrança de escanteio,  Gil cabeceou firme para um milagre de Galarza, na sobra, Willian realizou outro cruzamento na área, Bambu sozinho, cabeceou fraco no meio do gol.

A ansiedade tomou conta dos corinthians, aos 48 minutos, um lance inacreditável, Mantuan levantou na área, Roger Guedes ajeitou de cabeça para Renato Augusto que sozinho conseguiu furar a bola, na sobra, Du Queiroz até tentou, mas pegou fraco demais, permanecendo o empate até o apito final.

VIRA A CHAVE

Líder do Brasileiro, o Corinthians agora muda a chave para o campeonato nacional. O alvinegro irá enfrentar o América-MG, no domingo (29), às 18h00, na Arena Neo Quimíca, em São Paulo.

FICHA TÉCNICA

Corinthians
Corinthians
1 1
Always Ready (BOL)
Always Ready (BOL)
Fase Fase:
Fase de Grupos
Fase Rodada:
6ª rodada
Fase Data:
26/05/2022
Fase Hora:
9:00 pm
Fase Arbitro:
José Argote (VEN)
Fase Assistentes:
Franchescoly Chacon (VEN) e Antoni Garcia (VEN)
Fase Estádio:
Arena Neo Química
Fase Público:
39.816 pagantes
Fase Endereço:
São Paulo – SP
Fase Renda:
R$ 3.333.283,37
Fase Cartões Amarelos:
Always Ready: Blanco, Rambal e Rodrigo Ramallo
Corinthians: Gustavo Mantuan
Fase GOLS:
Corinthians: Adson 18’/1T
Always Ready: Borja 43’/1T

Confira também: