Copa do Mundo: Há 52 anos a Seleção Brasileira conquistava o tri-mundial

O Brasil venceu na decisão, a Itália, por 4 a 1, no Estádio Azteca, no México

Categorias: Futebol Brasil

Por: Oscar Silva, 21/06/2022

Tri

Campinas, SP, 21 (AFI) – Hoje, 21 de junho de 2022, faz 52 anos que o Brasil conquistava o tri-mundial, ao derrotar na final, na cidade do México, no Estádio Azteca, a Itália por 4 a 1. Para o Brasil, assinalaram, Pelé, Gérson, Jairzinho e Carlos Alberto, enquanto Boninsegna, fez o gol de honra da Azurra. A Copa do Mundo foi disputado por 16 seleções divididas em quatro grupos de quatro. Na semifinal, o Brasil eliminou o Uruguai. Por outro lado, a Seleção Italiana despachou a Alemanha.

O JOGO

Comandado como sempre pelo Rei Pelé e com Jairzinho fazendo gol em todas a partidas, o Brasil abriu o placar, com Pelé, aos 18 minutos recebendo assistência de Rivelino. Aos 37, Roberto Boninsegna empatou para a Itália, após vacilo e um erro da defesa brasileira. Antes, o time canarinho perdeu ótima oportunidade de fazer o segundo tento com Tostão, terminando assim a vitória brasileira na primeira etapa.

CANECO NA MÃO

No segundo tempo, o poder de fogo e criatividade do Brasil foi demais para o lado italiano, que se agarrava ao seu sistema defensivo cauteloso. Foi então que o Gérson acertou um poderoso pombo para o segundo gol. Depois o canhotinha de ouro deu assistência para o terceiro, com uma cobrança de falta certeira para Pelé, que passou para Jairzinho finalizar. Em seguida, Pelé com o seu excelente desempenho, chamou a defesa italiana para marcá-lo e passou ao capitão Carlos Alberto no flanco direito para o gol. Final, Brasil 4 a 1, sagrando-se tri-campeão e conquistando em definitivo a Taça Jules Rimet.

CAMPANHA
Na brilhante campanha da Seleção Brasileira, o time dirigido por Lobo Zagallo, disputou seis jogos, com seis vitórias. O ataque marcou em 19 vezes, enquanto a defesa brasileira sofreu sete tentos. Os jogos: Brasil 4×1 Tchecoslováquia; Brasil 1×0 Inglaterra; Brasil 3×2 Roménia. Nas quartas de final, eliminou o Peru ao vencer por 4 a 2. Já na semifinal, despachou o Uruguai, 3 a 1.

FICHA TÉCNICA
Brasil 4×1 Itália
Data: 21 de Junho de 1970
Hora: Ás 12h (horário de Brasília)
Estádio: Azteca, Cidade do México(MEX)
Público: 107.412 pagantes
Árbitro: Rudi Glöckner (Alemanha Ocidental)
Assistente: Rudolf Scheurer (Suiça) e Ángel Norberto Coerezza (Argentina)
Gols: Pelé, aos 18´\1T, Gérson, aos 21, Jairzinho, aos 26 e Carlos Alberto, aos 41´\2T(Brasil); Roberto Boninsegna, aos 37´\1T(Itália)
Cartões Amarelos: Rivelino(Brasil); Burgnich(Itália)

BRASIL
Félix;
Carlos Alberto, Brito, Wilson Piazza e Everaldo; Clodoaldo, Gérson e Pelé;
Jairzinho, Tostão e Rivelino.
Técnico: Zagallo.

ITÁLIA  
Albertosi;
Burgnich, Cera, Rosato e Facchetti; Bertini (Juliano) e De Sisti;
Mazzola, Domenghini, Boninsegna (Rivera) e Riva.
Técnico: Ferrucio Valcareggi.

Confira também: