Após exames, goleiro do Corinthians vira dúvida para a Libertadores

Exames confirmaram uma subluxação no goleiro Cássio e vira dúvida para a próxima partida

Cássio foi o destaque do Corinthians no empate contra o São Paulo

Categorias: Grandes clubes de São Paulo

Por: Agência Estado, 23/05/2022

cassio corinthians 1
Cássio saiu de campo com uma tipóia no braço esquerdo (Foto: Divulgação/ Corinthians)

São Paulo, SP, 23 – Após preocupar os torcedores do Corinthians ao cair no chão com muitas dores no ombro, durante o clássico contra o São Paulo, no domingo, o goleiro Cássio passou por exames na manhã desta segunda-feira. Os procedimentos não detectaram nenhuma lesão séria e apenas confirmaram a hipótese de subluxação, levantada pelos médicos ainda na Neo Química Arena, depois do empate por 1 a 1.

O problema é leve, mas impediu o ídolo corintiano de participar do treinamento específico com os outros goleiros do elenco, nesta manhã, comandados pelos preparadores Marcelo Carpes e Luiz Fernando dos Santos. Dessa forma, não é certo se estará à disposição para enfrentar o Always Ready na quinta-feira, pela última rodada da fase de grupos da Libertadores, novamente no estádio do time alvinegro.

cassio corinthians 1
Cássio saiu de campo com uma tipóia no braço esquerdo (Foto: Divulgação/ Corinthians)

Até sair do gramado, Cássio fez uma grande partida no domingo e foi essencial para evitar que os corintianos sofressem uma derrota inédita para o São Paulo na Neo Química Arena. Quando sentiu o ombro, o escolhido para substituí-lo foi Matheus Donelli, que pode ficar com a vaga na quinta, caso o titular não seja liberado. Ivan também é opção.

FAGNER VOLTA?

Antes de Cássio, o Corinthians vivia certa preocupação com outro ídolo, em situação que já caminha para o desfecho desejado. Recuperado de uma entorse no tornozelo direito, o lateral-direito Fagner iniciou, nesta segunda-feira, o processo de transição física. No gramado do CT Joaquim Grava, ele participou de atividades de corrida, passes e cruzamentos, sob o comando do preparador físico Leandro da Silva.

Sem Fagner há cinco jogos, desde o empate sem gols com o Deportivo Cali na Colômbia, Vitor Pereira utilizou Rafael Ramos em algumas oportunidades, mas também apostou em outras alternativas. Contra o São Paulo, escalou o time com três zagueiros e Mantuan fazendo a função de ala.

Confira também: