Série B: Jorginho deve mexer no Figueirense para jogo contra o Brasil

O treinador tem duas dúvidas em relação a formação que iniciou na derrota para a Chapecoense

Publicado em .

O treinador tem duas dúvidas em relação a formação que iniciou na derrota para a Chapecoense

Florianópolis, SC, 14 (AFI) - O Figueirense ainda não está definido para o importante jogo na luta contra o rebaixamento. Nesta sexta-feira, o time alvinegro recebe o Brasil de Pelotas, às 17h30, no Orlando Scarpelli, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Em relação a formação que iniciou na derrota para a Chapecoense, por 2 a 1, em Chapecó, na última terça, o técnico Jorginho estuda fazer duas mudanças por opção técnica e tática: o meia Lucas Barcelos e o atacante Alecsandro nos lugares de Dudu e Geovane Itinga, respectivamente.

Jorginho ainda não definiu qual será a escalação inicial (Foto: Divulgação/Figueirense)
Jorginho ainda não definiu qual será a escalação inicial (Foto: Divulgação/Figueirense)
Jorginho evita fazer projeções a longo prazo. Sem ganhar há três partidas, o Figueirense está na 18ª colocação, com 36 pontos, mas deixa a zona de rebaixamento pelo menos de forma provisória se encerrar o jejum.

"A matemática sempre fizemos. Temos que ganhar o máximo de partidas. Quanto mais, melhor. Estamos a três partidas sem vencer. Estamos na briga, que depende muito mais de nós. Acho que conseguimos crescer. Juntos estaremos fortes, separados teremos problemas", disse Jorginho.

A provável escalação do Figueirense é: Rodolfo Castro; Thiaguinho, Guilherme Thiago, Vitor Mendes e Renan Luís; Arouca, Matheus Neris e Dudu (Lucas Barcelos); Bruno Michel, Diego Gonçalves e Alecsandro (Geovane Itinga).

CONFIRA OS BASTIDORES DA FESTA DE CLASSIFICAÇÃO DO SANTOS

Espaço incorporado por HTML (embed)