Felipão desiste de voltar ao futebol e diz 'não' a time da Série B

O ex-treinador do Palmeiras estava querendo retornar ao esporte, mas parece ter desistido

Publicado em .

O ex-treiandor do Palmeiras estava querendo retornar ao esporte, mas parece ter desistido

Belo Horizonte, MG, 12 (AFI) - O Cruzeiro segue sem definir o nome do novo técnico para a sequência da Série B do Campeonato Brasileiro. Após negativa de Lisca, hoje no América Mineiro, foi a vez de Luiz Felipe Scolari dizer 'não' ao clube celeste. O presidente Sérgio Santos Rodrigues afirmou que conversa com outros treinadores, com o intuito de anunciar o novo profissional ainda nesta semana.

Sem clube desde que deixou o Palmeiras, Felipão estava motivado em retornar ao futebol, mas a oferta do Cruzeiro parece não ter sido suficiente, ainda mais pela situação do clube dentro e fora das quatro linhas.

Em contato com o Portal Futebol Interior, a assessoria do treinador não quis comentar sobre o assunto e a resposta foi: "Sem comentários sobre o assunto."

CARTOLA EXPLICA SAÍDA DE NEY FRANCO DA RAPOSA

ERA O NOME...
Felipão ganhou força na Toca por conhecer bem o clube e por ter prestígio entre os torcedores. O grande nome daria uma amenizada, em parte, nas críticas que o time e a diretoria vêm recebendo.

O pentacampeão mundial e o técnico do 7 a 1 esteve no Cruzeiro em 2000 e 2001 e foi campeão da Copa Sul-Minas.

Felipão diz 'não' ao Cruzeiro
Felipão diz 'não' ao Cruzeiro

Independente de quem for o escolhido, será o terceiro treinador do Cruzeiro da Série B. Em 15 rodadas até aqui, o time já foi comandado por Enderson Moreira e Ney Franco. Isso sem contar Adilson Batista, demitido antes do torneio nacional.

Essa bagunça se resume dentro de campo. Com apenas 12 pontos - perdeu seis por conta de uma punição da Fifa -, o Cruzeiro amarga a penúltima colocação do campeonato.