Grêmio 1 x 1 Fortaleza - Duelo tricolor termina empatado na Arena do Grêmio

Com o resultado, as equipes seguem em situações parecidas na tabela de classificação, já que ambos somam 12 pontos

Publicado em .

Com o resultado, as equipes seguem em situações parecidas na tabela de classificação, já que ambos somam 12 pontos

Porto Alegre, RS, 13 (AFI) - E segue o momento conturbado do Grêmio no Campeonato Brasileiro. Na tarde deste domingo (13), recebeu o Fortaleza, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS), pela décima rodada, e acabou empatando, por 1 a 1. Osvaldo, aos 16 minutos do primeiro tempo, abriu para os visitantes, mas Diego Souza, aos seis do segundo, deixou tudo igual.

Com o resultado, as equipes seguem em situações parecidas na tabela de classificação, já que ambos somam 12 pontos. O Leão do Pici é nono, com dez jogos, enquanto o Imortal é décimo, com nove partidas, por causa do número de vitórias (3 contra 2). Dessa forma, ambos estão dentro da zona de classificação para a Copa Sul-Americana de 2021.

Foto: Bruno Oliveira
Foto: Bruno Oliveira

PRIMEIRO TEMPO
Quem começou dando as cartas foi o time visitante. Logo aos 3 minutos, o ligeiro Osvaldo entrou pela esquerda e exigiu ótima defesa de Vanderlei. O atacante ficou no quase. Mas levaria a melhor sobre o goleiro aos 16, curiosamente num lance de cruzamento.

Osvaldo jogou para Deivid, que não alcançou. A bola passou, ninguém encostou, e ela acabou nas redes de Vanderlei: 1 a 0 para um atrevido e bem armado time de Rogério Ceni.

Mesmo em casa, o Grêmio não conseguiu se livrar da marcação. Teve uma única finalização perigosa na primeira etapa e ainda viu o volante Maicon sair machucado com meia hora de jogo. Contusão muscular que deve custar sua ausência na Libertadores.

SEGUNDO TEMPO
Renato Gaúcho sabia que sua equipe tinha de ser diferente. Então, trocou a força física de Isaque pela velocidade de Luiz Fernando. Nem bem a etapa final começou e o zagueiro Quintero resolveu ser generoso com os gaúchos.

Com apenas um minuto, empurrou Everton pelas costas cometendo um pênalti infantil. Rogério Ceni ficou maluco com a marcação, reclamando muito. Foi punido com cartão amarelo, e de nada adiantou esbravejar.

Após três minutos de reclamações e indignações, Diego Souza cobrou, Felipe Alves defendeu com o braço esticado, mas Luis Fernando empatou no rebote. Como invadiu a área, o lance acabou impugnado e a cobrança remarcada. Mais dois minutos de espera e, desta vez, Diego Souza não errou: 1 a 1.

O Grêmio, então, se lançou com tudo atrás da virada. Pressionou e também sofreu perigosos contragolpe. Mas nada de gols. Ao menos válidos. Aos 40, Felipe Alves fez dois milagres em finalizações de Orejuela e Geromel. O lateral marcou no terceiro lance, mas o gol foi anulado por claro impedimento.

SEQUÊNCIA
O Grêmio volta a campo na quarta-feira, quando vai ao San Carlos de Apoquindo, no Chile, enfrentar a Universidad Católica, pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. Já pelo Brasileirão, o Imortal encara o Palmeiras, no domingo (20), na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS), às 16h.

O Fortaleza, cabe destacar, já foi eliminado da Copa Sul-Americana, mas entrará nas oitavas de final da Copa do Brasil por ser o campeão nordestino de 2019 - o que também ocorre com o campeão da Série B e da Copa Verde da temporada passada e os times que participam da ‘Liberta’. Pelo Campeonato Brasileiro, enfrenta o Internacional, no sábado (19), na Arena Castelão, em Fortaleza (CE), às 19h.

CONFIRA O GOL DO FORTALEZA

Espaço incorporado por HTML (embed)

CONFIRA O GOL DO GRÊMIO

Espaço incorporado por HTML (embed)