Diniz muda de ideia e pode escalar São Paulo com titulares no clássico

O treinador havia indicado que pouparia os principais jogadores pensando na Copa Libertadores

Publicado em .

O treinador havia indicado que pouparia os principais jogadores pensando na Copa Libertadores

São Paulo, SP, 11 - De duas, uma. Ou o técnico Fernando Diniz usou o treino desta sexta-feira para preparar o time do São Paulo para o jogo com o River Plate, dia 18, pela Libertadores, ou o treinador vai escalar o time titular para o clássico com o Santos, neste sábado, na Vila Belmiro, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

Se optar pelo que tem de melhor, o treinador vai contra o que traçou ao final do empate com o Red Bull Bragantino, quarta-feira, quando não descartou a possibilidade de escalar um time misto no duelo pela competição nacional.

Fernando Diniz ainda não definiu qual será a escalação do São Paulo
Fernando Diniz ainda não definiu qual será a escalação do São Paulo
MUDANÇAS
Na atividade, orientada no CT, Diniz utilizou Igor Vinicius como titular na lateral-direita, atleta que cumpriu suspensão na quarta-feira à noite, assim como o veterano Hernanes no meio de campo. Talvez o peso de um jogo repleto de tradição tenha feito o técnico mudar de ideia.

Com isso, Juanfran e Brenner podem perder lugar no time titular e Paulinho Boia também deve iniciar o clássico no banco de reservas. Daniel Alves, Pablo, Liziero, Walce e Rojas são desfalques certos.

Uma formação do São Paulo para o clássico: Tiago Volpi; Igor Vinicius, Diego Costa, Léo e Reinaldo; Tchê Tchê, Gabriel Sara, Hernanes e Igor Gomes; Vitor Bueno e Luciano.

SITUAÇÕES
Com 17 pontos, o São Paulo é o terceiro colocado no Campeonato Brasileiro, atrás apenas do líder Internacional (20 pontos) e do Flamengo, que possui a mesma pontuação, mas possui dois gols marcados a mais (13 a 11).

Na Libertadores, o time do Morumbi está no Grupo D e soma três pontos, após dois jogos. River Plate, LDU e Binacional (Peru) somaram a mesma quantidade de pontos.