Embora ativa no YouTube, Ponte perde seguidores nas redes sociais pelo segundo mês

Ranking Digital de Clubes registrou queda de 334 seguidores nas plataformas digitais em maio

Publicado em .

Ranking Digital de Clubes registrou queda de 334 seguidores nas plataformas digitais em maio

Campinas, SP, 04 (AFI) - A paralisação do futebol nacional em virtude da pandemia do novo coronavírus não tem sido boa para a Ponte Preta nas redes sociais.

Além do prejuízo financeiro milionário durante a quarentena, a Macaca amargou, pelo segundo mês consecutivo, queda no número combinado de seguidores em quatro plataformas digitais - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Ponte Preta perdeu 334 seguidores no mês de maio
Ponte Preta perdeu 334 seguidores no mês de maio

De acordo com o Ranking Digital de Clubes, divulgado mensalmente pelo Ibope/Repucom, time campineiro registrou perda de 334 fãs nos 31 dias de maio.

Embora tenha movimentado a PonTV, a queda foi de 0,05% dos adeptos. Por outro lado, a Alvinegra soma 584.657 pessoas em quatro mídias, mantendo-se em 28º lugar entre os times do futebol brasileiro.

No mês passado, Ponte trouxe novidades ao canal do YouTube com reprise de jogos históricos (Guarani e Náutico), apresentação dos três primeiros reforços junto aos sócios-torcedores e um bate-papo com colecionadores de camisas, o que proporcionou alta interação e ganho de 500 inscritos.

Além da Nega Véia, outros 13 clubes amargaram queda de seguidores em maio: Chapecoense (5.567), Red Bull Bragantino (3.565), Íbis Sport Club (2.836), Red Bull Brasil (2.269), Audax Osasco (2.034), Figueirense (1.778), Criciúma (1.012), Sampaio Corrêa (544), Paraná (386), Londrina (371), Atlético-GO (276), América-MG (118) e Brasil de Pelotas (102).