UFC: Glover Teixeira vence favorito e campineiro finaliza americano

Dos três brasileiros em ação, apenas o jovem pesado Philipe Lins perdeu para um lutador experiente por pontos

Publicado em .

Dos três brasileiros em ação, apenas o jovem pesado Philipe Lins perdeu para um lutador experiente por pontos

Campinas, SP, 14 (AFI) - O brasileiro meio-pesado Glover Teixeira emplacou a sua quarta vitória seguida no UFC ao impor o nocaute ao americano Anthony Smith, nesta noite, em Jacksonville, na Flórida, nos Estados Unidos no UFC Fight Night. A luta foi decidida no quinto round.

Glover Teixeira comemora. Reprodução: Canal Combate
Glover Teixeira comemora. Reprodução: Canal Combate

Glover, de 40 anos, confirmou a boa fase. Oitavo na categoria meio-pesado ele superou ao quarto colocado e deve subir no ranking da UFC.

O veterano até sonha em voltar a disputar o cinturão com o imbatível Jon Jones.

DUELO EM 2014
O mineiro de Sobrália (MG) teve a chance de disputar o cinturão em 2014, há pouco mais de seis anos. Mas perdeu na decisão dos jurados e reclamou bastante de golpes ilegais de Jon Jones.

Smith queria vencer para tentar a luta com o campeão, uma vez que ele só estava atrás de três lutadores: Thiago Marreta, Dominick Reyes e Jan Blachowicz.

GRANDE REAÇÃO
Mas Glover perdeu o primeiro round, com o americano de 31 anos aproveitando a maior envergadura e sua velocidade para desferir muitos socos de longa distância. Com isso, atingiu o olho esquerdo do brasileiro.

Glover equilibrou as ações no segundo round e venceu o terceiro, quando emplacou muitos golpes e derrubou o americano, que resistiu no chão a uma saraivada de golpes e também à finalização.O panorama foi igual no quarto round, quando Glover minou praticamente as últimas forças do americano.

O desfecho esperado aconteceu no quinto round. Glover derrubou o americano, fez a montada e depois desferiu muitos golpes para que o árbitro interrompesse a luta. Faltava 1:05 para terminar a luta.

OUTROS BRASUCAS
Thiago Moisés vence na Flórida
Thiago Moisés vence na Flórida

Antes da vitória na luta principal, outros dois brasileiros subiram ao octono. Thiago Moisés, de Campinas, venceu por finalização a Michael Johnson nos leves faltando 25 segundos para terminar o segundo round.

A única derrota do Brasil ficou com o jovem peso pesado Philipe Lins que perdeu por pontos para o experiente Andrei Arlovski, da Bielorussia.
Confira todos os resultados da noite:

CARD PRINCIPAL

Glover Teixeira (BRA) nocauteou Anthony Smith (EUA) aos 1:05 do 5º round - meio-pesados

Ben Rothwell (EUA) venceu Ovince Saint Preux (EUA) na decisão dividida dos jurados (28-29, 29-28 e 29-28) - pesados

Drew Dober (EUA) nocauteou Alexander Hernandez (EUA) aos 4:25 do 2º round - leves

Ricky Simon (EUA) venceu Ray Borg (EUA) na decisão dividida dos jurados (28-29, 29-28 e 29-28) - galos

Thiago Moises (BRA) finalizou Michael Johnson (EUA) com uma chave de tornozelo a 0:25 do 2º round - leves

Andrei Arlovski (BLR) venceu. Philipe Lins (BRA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 29-28) - pesados

Philipe Lins: ganhou experiência
Philipe Lins: ganhou experiência

CARD PRELIMINAR

Chase Sherman (EUA) nocauteou Isaac Villanueva (EUA) a 0:59 do 2º round - pesados

Brian Kelleher (EUA) nocauteou Hunter Azure (EUA) aos 3:40 do 2º round - penas

Omar Morales (VEN) venceu Gabriel Benitez (MEX) na decisão unânime dos jurados (30-27, 29-29 e 29-28) - leves

Sijara Eubanks (EUA) venceu Sarah Moras (CAN) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-26) - galos feminino.