Após Pré-Olímpico, Atlético-MG confirma a venda do goleiro Cleiton ao Bragantino

Negociação já estava encaminhada, mas anúncio só aconteceu nesta segunda-feira

Publicado em .

Negociação já estava encaminhada, mas anúncio só aconteceu nesta segunda-feira

Belo Horizonte, MG, 10 - O Atlético-MG oficializou nesta segunda-feira a venda do goleiro Cleiton ao Red Bull Bragantino.

A transação também foi confirmada pelo clube do interior paulista, que assim se reforça com o reserva da seleção brasileira sub-23, que no último final de semana assegurou a classificação aos Jogos de Tóquio-2020.

A presença de Cleiton no Pré-Olímpico, que foi disputado na Colômbia, levou os clubes a adiarem o anúncio da negociação, que já estava acertada em janeiro, tanto que o Atlético-MG não incluiu o goleiro em sua lista de inscritos na Copa Sul-Americana.

Cleiton foi reserva da seleção sub-23 no Pré-Olímpico (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)
Cleiton foi reserva da seleção sub-23 no Pré-Olímpico (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

VALORES

Os detalhes financeiros da transação não foram tornados públicos, mas as informações são de que o Atlético-MG vai receber 5 milhões de euros (aproximadamente R$ 23,6 milhões) pela venda de 70% dos direitos econômicos de Cleiton.

O clube ainda vai reter uma participação de 10% nos direitos do jogador.

"O Atlético-MG finalizou, nesta segunda-feira, a venda do goleiro Cleiton para o Red Bull Bragantino. O clube irá manter um percentual do atleta em caso de transferência futura. Em razão de cláusula de confidencialidade, valores e condições da transação não serão divulgados", anunciou o clube mineiro em seu perfil no Twitter.

CARREIRA

Cleiton, de 22 anos, disputou 43 jogos pelo Atlético-MG, a maior parte deles em 2019, quando aproveitou lesão de Victor para conquistar o seu espaço na meta do clube.

Ele também se destacou em 2017, quando defendeu três pênaltis na final da Copa do Brasil Sub-20 contra o Flamengo, sendo decisivo para a conquista da equipe de juniores do clube.