Carioca: Após vice na Série B1, América perde zagueiro e dois atacantes

Buscando a classificação para a fase principal do Estadual, o Mecão voltou aos treinamento no dia 4 de novembro

Publicado em .

Buscando a classificação para a fase principal do Estadual, o Mecão voltou aos treinamento no dia 4 de novembro

Rio de Janeiro, RJ, 05 (AFI) - Depois de ser vice-campeão do Carioca Série B1, o América está reestruturando o elenco para a disputa da Seletiva para o Campeonato Carioca. Nesta semana, o clube rubro definiu que não contará com o zagueiro Vladimir e os atacantes William Chrispim e Chayene.

Buscando a classificação para a fase principal do Carioca, o Mecão voltou aos treinamento no dia 4 de novembro, enquanto a disputa da Seletiva se inicia no final de semana de 22 de dezembro, contra o Macaé, em casa.

QUEM SÃO?
Vladimir, 36, é cria o Flamengo e passou por clubes cariocas como Cabofriense, CFZ, Bonsucesso, Goytacaz, Portuguesa e Resende. Ele defendeu o América em 2018 e 2019 e era o capitão nesta temporada, quando foi a campo em 34 dos 39 jogos. Está acertado com o Macaé.

Chayene - Foto: Marcio Menezes (América)
Chayene - Foto: Marcio Menezes (América)
William Chrispim, 28, tem 43 partidas e nove gols pelo Mecão durante duas passagens. Ex-Mangaratibense, Queimados, Itaboraí, Doze, Campinense e Guarany de Sobral, o jogador ainda não tem futuro definido.
Chayene, 29, era um dos principais jogadores do mundo na categoria futebol de 7. Em 2018, resolveu se aventurar pelo São Gonçalo - e se destacou, com oito gols em 24 aparições. Pelo Rio Branco-AC, foram seis tentos e seis assistências em 11 partidas. Pelo América, marcou três vezes em 20 rodadas. Seguirá para a Portuguesa-RJ.