Vitória 2 x 2 Figueirense - Leão busca empate e mantém diferença para o rival

O resultado acabou sendo melhor para o Leão, que segue a quatro pontos da zona de rebaixamento

Publicado em .

O resultado acabou sendo melhor para o Leão, que segue a quatro pontos da zona de rebaixamento

Salvador, BA, 02 (AFI) - O Vitória se manteve a quatro pontos da zona de rebaixamento ao buscar o empate diante do Figueirense pelo placar de 2 a 2 na tarde deste sábado, em pleno estádio Barradão, pela 32ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Vitória continuou na 15ª colocação, com 37 pontos, quatro a mais do que o Figueirense, que chegou ao sexto jogo sem derrota, mas lamentou o empate após deixar escapar a vitória entre os dedos. O clube catarinense deixou de dar um passo importante para fugir da degola.

VEJA OS MELHORES MOMENTOS DO JOGO !

TUDO IGUAL
O Vitória fez uma abafa em cima do Figueirense nos minutos iniciais e criou quatro oportunidades de gol, sendo a mais perigosa uma tentativa de Lucas Cândido, que parou na defesa de Pegorari. A resposta veio com Fellipe Matheus. O meia encheu o pé, mas Martín salvou o time da casa.

Foi só o Figueirense equilibrar o jogo que o Vitória resolveu abrir o placar. Aos 33 minutos, Felipe Garcia fez bonita jogada pela direita e rolou para Wesley. O atacante furou, mas viu a bola sobrar limpa para Anselmo Ramon. O atacante chapou para fazer 1 a 0.

Vitória empata com o Figueirense
Vitória empata com o Figueirense

E não deu nem tempo para o time baiano comemorar. Logo aos 35 minutos. Fellipe Mateus cobrou escanteio na cabeça de Luis Ricardo, que apareceu de surpresa dentro da área para mandar no fundo das redes.

UM PARA CADA LADO
O segundo tempo começou de forma semelhante. O Vitória pressionou, mas o Figueirense conseguiu segurar o rival e achou a virada. Aos 12 minutos, Rafael Marques recebeu na entrada da área e fez o pivô para Odilávio. O atacante soltou a bomba para fazer 2 a 1.

Atrás no placar, o Vitória precisou se abrir. Felipe Garcia avançou pela direita e tocou para Lucas Cândido. O meia chutou no peito de Pegorari. Gedoz ficou com a sobra e mandou para fora. O Figueirense não ficou só na defesa e arriscou com Breno, que viu Martín Rodríguez fazer grande defesa.

Aos 36 minutos, o time baiano chegou ao gol de empate em cobrança de pênalti de Thiago Carleto. A bola passou por baixo de Pegorari. Antes do apito final, Breno esteve perto de fazer o terceiro, mas jogou rente à trave, a última tentativa do Figueirense no duelo.

PRÓXIMOS JOGOS
Na próxima rodada, o Figueirense enfrenta o Vila Nova na terça-feira, às 20h30, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC). No mesmo dia e horário, o Vitória recebe o Brasil no Barradão, em Salvador (BA).