Série B: Jorginho pede mais três reforços para fechar elenco da Ponte Preta

A Macaca terá inúmeros desfalques para o duelo contra Figueirense, nesta quinta

Publicado em .

A Macaca terá inúmeros desfalques para o duelo contra Figueirense, nesta quinta

Campinas, SP, 14 (AFI) - Apesar da vitória contra o Guarani no último domingo, o técnico Jorginho vê necessidade da Ponte Preta fazer mais três reforços antes de fechar o elenco de forma definitiva para a Série B do Campeonato Brasileiro. As posições indicadas pelo treinador são: um atacante de lado de campo, um meia de criação e um lateral.

"Precisamos de peças ainda. Queremos um jogador de lado, mais um meia também. A gente não sabe com quem a gente pode contar, tem o Longuine retornando de contusão. Lateral a gente vai precisar, principalmente com a contusão do Guedes. São pelo menos três contratações que a gente vai precisar fazer, sim. Apesar de ter alguns jogadores que jogam em mais de uma posição, o que nos ajuda bastante, a gente sabe o quanto precisa ter um grupo que possa suportar a competição", disse Jorginho.

FIGUEIRENSE
O pedido do treinador veio com a dificuldade de escalar a equipe para a partida diante do Figueirense, marcado para esta quinta-feira, às 21h30, no estádio Orlando Scarpelli, pela 16ª rodada da Série B. Jorginho não poderá contar com o volante Edson e o atacante Roger, suspensos, além do zagueiro Renan Fonseca e do lateral Guilherme Guedes, lesionados, assim como Arnaldo, no DM há um bom tempo.

Jorginho pediu reforços à diretoria da Ponte
Jorginho pediu reforços à diretoria da Ponte
A principal novidade entre os relacionados é o meia Rafael Longuine, que não atua há mais de dois meses. Já no time titular entram: Airton, Henrique Trevisan e Washington. O treinador, no entanto, deixou uma dúvida no ataque. A disputa será entre João Carlos e Tiago Marques.

Sendo assim, a Ponte Preta deverá ter contra o Figueirense: Ivan; Diego Renan, Airton, Reginaldo e Henrique Trevisan; Washington, Camilo, Gerson Magrão e Matheus Vargas; Marquinhos e João Carlos (Tiago Marques)

Brigando diretamente pelo acesso, a Ponte Preta aparece na sétima colocação, com 23 pontos, a um do Londrina, quarto colocado.