Segundona: Mauá e Tupã iniciam trocas do Futebol Sustentável para estreia na 3ª Fase

"É sempre um prazer voltar para esses locais, onde sempre somos bem recebidos", contou o empresário Edivaldo Ferraz

Publicado em .

"É sempre um prazer voltar para esses locais, onde sempre somos bem recebidos", contou o empresário Edivaldo Ferraz

Campinas, SP, 14 (AFI) - As trocas do Programa Futebol Sustentável já começaram! Na manhã desta terça-feira, de olho na primeira rodada da terceira fase da Segundona Paulista, os torcedores de Mauá e Tupã começaram a se movimentar para adquirir os 2 mil ingressos disponíveis pela ação.

No sábado, às 19h, o Tupã encara a Francana, no Alonsão, em Tupã, pelo Grupo 13, que conta ainda com Catanduva e Marília. Um pouco antes, às 15h, o Mauá desafia o Flamengo, no Pedro Benedetti, em Mauá, pelo Grupo 15, que também tem Itapirense e Rio Branco. Na terceira fase, após seis rodadas, os dois melhores de cada chave avançam às quartas de final.

"É sempre um prazer voltar para esses locais, onde sempre somos bem recebidos. Importante sempre ressaltar a figura do presidente Reinaldo Carneiro Bastos, que não mede esforços para auxiliar o Interior. Não seria diferente agora, com a competição afunilando", contou o empresário Edivaldo Ferraz, da E&L Marketing Esportivo.

Segundona: Mauá e Tupã iniciam trocas do Futebol Sustentável para estreia na 3ª Fase
Segundona: Mauá e Tupã iniciam trocas do Futebol Sustentável para estreia na 3ª Fase
É SUSTENSHOW
O Programa Futebol Sustentável é idealizado pelo presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Reinaldo Carneiro Bastos, e executado pela E&L Marketing, empresa administrada por Edivaldo Ferraz.

Edivaldo Ferraz (d) e Reinaldo Carneiro Bastos (e) - Foto: Lucas Badan
Edivaldo Ferraz (d) e Reinaldo Carneiro Bastos (e) - Foto: Lucas Badan

Vale lembrar como funciona: para adquirir um ingresso, basta levar duas garrafas pets aos postos de troca. Todo material de reciclagem é destinado a uma cooperativa ou entidade da cidade que recebe a partida.

AJUDANDO A NATUREZA
Desde 2016, o projeto já tirou mais de 4 milhões de garrafas plásticas do meio ambiente. Assim, cerca de 2 milhões de torcedores já foram aos estádios paulistas, especialmente no Interior, através da ação.

"O que estiver a nosso alcance para que a torcida possa ir aos campos, que cada vez mais famílias frequentem os estádios paulistas, a Federação, enquanto eu presidir a entidade, vai fazer. O Futebol Sustentável é mais uma prova de como nossa gestão tem funcionado", disse Reinaldo Carneiro Bastos.