Seleção FI vem com meia da Macaca e ataque com Todinho e Viçosa

O técnico escolhido para comandar o time foi Marcelo Chamusca, que vem realizando um grande trabalho no CRB

Publicado em .

O técnico escolhido para comandar o time foi Marcelo Chamusca, que vem realizando um grande trabalho no CRB

Campinas, SP, 10 (AFI) - A 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B acabou com o Bragantino na liderança, com 28 pontos, seguido por Coritiba, novo integrante do G4, com 25, Atlético Goianiense, 25, e Londrina 24. O equilíbrio chama muita a atenção, já que o Sport, décimo, tem 23.

A seleção FI vem com os destaques da rodada. Vencedor do dérbi campineiro, Matheus Vargas guia o meio de campo da equipe, que conta com os atacantes Jordy Caicedo, Júnior Viçosa e Júnior Todinho.

O técnico escolhido para comandar o time foi Marcelo Chamusca, que vem realizando um grande trabalho no CRB. O Galo superou o Atlético, em Goiânia, e entrou de vez na briga pelo acesso.

Confira a Seleção FI da 15ª rodada da Série B:

Vinícius Silvestre só não fez chover contra o Atlético
Vinícius Silvestre só não fez chover contra o Atlético

Goleiro: Vinícius Silvestre (CRB)

O ex-goleiro do Palmeiras brilhou na vitória do CRB por 1 a 0 para cima do Atlético, em Goiânia. Ele fechou o gol e assegurou três pontos importantes na briga pelo acesso. Acabou sendo parabenizado até por 'São' Marcos. Vai brigar pela posição de titular do Galo.

Lateral-Direito: Danilo Baia (Operário)

Apesar de ter feito uma partida mais defensiva, sem se lançar muito ao ataque, Danilo Baia foi responsável pela cobrança de escanteio na cabeça do zagueiro Lázaro e deu assistência para o único gol do jogo na vitória do Operário sobre o Vila Nova. Além disso, Danilo se destacou na defesa, principalmente na reta final da partida, quando o adversário partiu para o ataque em busca do empate.

Rafael Lima é o xerifão da seleção FI
Rafael Lima é o xerifão da seleção FI

Zagueiro: Rafael Lima (Coritiba)

Rafael Lima foi um dos pontos altos da vitória do Coritiba por 2 a 0 diante do Figueirense. O defensor fechou a 'casinha' e anulou os atacantes da equipe catarinense. Ele ainda apareceu bem no setor ofensivo. Poderia ter saído com um gol do Couto Pereira.

Zagueiro: Lázaro (Operário)

Seguro no jogo aéreo defensivo, Lázaro mostrou também bom tempo de bola no ataque para marcar o único gol da vitória sobre o Vila Nova. Contra um dos ataques mais improdutivos da Série B, o xerifão da zaga do Operário se sobressaiu e terminou a partida como melhor em campo.

Lateral-esquerdo: Ednei (Brasil de Pelotas)

Tudo bem que essa não é sua posição de origem - ele é lateral-direito -, mas vem quebrando muito bem o galho para o técnico Bolívar. Na última quinta-feira, foi essencial para que o Brasil de Pelotas empatasse com o Oeste ao salvar duas bolas em cima da linha.

Volante: Jonata Machado (Botafogo)

Foi um 'cão de guarda' no empate por 0 a 0 entre Bragantino e Botafogo no Nabi Abi Chedid. O volante correu por dois e ajudou muito na marcação, anulando as principais jogadas do líder da Série B. Foi muito participativo na criação, puxando bons contra-ataques do Pantera.

Volante: Foguinho (Criciúma)

O Criciúma deixou a lanterna da Série B com uma vitória por 1 a 0 diante do Sport. Um dos destaques da partida foi o volante Foguinho, autor do único gol do duelo. O jogador foi feliz na marcação e ainda apareceu como elemento surpresa para definir a partida.

Meia: Matheus Vargas (Ponte Preta)

Matheus Vargas foi decisivo na vitória da Ponte Preta por 1 a 0 frente ao Guarani. O meia marcou o único gol do dérbi, que reabilitou a Macaca na Série B do Campeonato Brasileiro e afundou o Bugre. O jogador é um dos pontos fortes da equipe alvinegra na temporada.

Viçosa foi o destaque do América
Viçosa foi o destaque do América

Atacante: Júnior Viçosa (América Mineiro)

Júnior Viçosa foi um dos destaques da vitória do América Mineiro por 4 a 3 diante do Londrina, no Independência. O atacante, ao lado de Neto Berola, criou as principais oportunidades de gol da equipe, além de ter deixado sua marca duas vezes. O resultado foi importante por reabilitar o Coelho na competição.

Atacante: Jordy Caicedo (Vitória)

Se movimentou bastante dando novo punch ao ataque rubro-negro. O equatoriano, de apenas 21 anos, deu uma nova movimentação ao time do Vitória e ainda deixou sua marca no triunfo por 2 a 0 para cima do Paraná.

Atacante: Júnior Todinho (Cuiabá)

O Cuiabá venceu o São Bento por 3 a 2 com grande atuação de Júnior Todinho. O atacante só não fez chover no último sábado. Ele marcou dois gols e conduziu o Dourado a mais um triunfo na Série B do Brasileiro. Agora a briga é pela parte de cima.

Técnico: Marcelo Chamusca (CRB)

Marcelo Chamusca tem feito um grande trabalho no CRB. O Galo derrotou o Atlético Goianiense por 1 a 0, com o dedo do treinador, que montou um esquema para anular o até então vice-líder e entrar de vez na briga pelo acesso. Willie, autor do gol, saiu do banco de reservas.

Marcelo Chamusca foi o técnico da seleção FI
Marcelo Chamusca foi o técnico da seleção FI