Juanfran será o segundo jogador espanhol a defender o São Paulo

Antes dele, apenas Fernando Carazo Castro havia feito parte do elenco do clube, em 1936

Publicado em .

Antes dele, apenas Fernando Carazo Castro havia feito parte do elenco do clube, em 1936

São Paulo, SP, 08 - O lateral-direito Juanfran será o segundo jogador espanhol a defender o São Paulo. Antes dele, apenas Fernando Carazo Castro havia feito parte do elenco do clube, em 1936. E ele jogou em apenas dois amistosos pelo clube.

Carazo nasceu em La Coruña, no dia 6 de abril de 1904. Com três anos de idade, desembarcou em Santos, vindo de Málaga com toda a família. Ele não chegou a obter naturalidade brasileira.

Em 1926, ingressou no Palestra Itália, onde, para uma maior identificação com os torcedores daquele time, teve o seu nome alterado para Carazo. Foi com esse apelido que ficou conhecido na época.

De 1927 a 1931, passou a defender as cores do Palestra Itália de Belo Horizonte (atual Cruzeiro). Depois, regressou ao Palestra de São Paulo e permaneceu até 1934, quando se transferiu para o Espanha (atual Jabaquara), de Santos.

Juanfran é apenas o segundo atleta espanhol a jogar no São Paulo
Juanfran é apenas o segundo atleta espanhol a jogar no São Paulo

Quando ainda tinha contrato com o Espanha, Carazo foi emprestado para o São Paulo. O clube não conseguiu registrar o jogador na Liga Paulista de Futebol e pôde apenas escalá-lo em amistosos.

No dia 25 de janeiro de 1936, o São Paulo venceu a Portuguesa Santista por 3 a 2 em amistoso realizado no Parque Antarctica. Foi de Carazo, de pênalti, o gol da vitória são-paulina. Ele havia marcado também o segundo gol do time (o primeiro fora de Antoninho).

Depois, em 16 de fevereiro, o São Paulo ainda contou com o jogador espanhol no em amistoso realizado contra a Portuguesa Santista, em Santos. A equipe tricolor venceu novamente, desta vez por 4 a 2, e sem gols de Carazo. Foi o último jogo do espanhol pelo São Paulo.