Série B: Pendurado, volante da Ponte revela conversa com árbitro em Sorocaba

Edson corria o risco de ficar de fora do dérbi contra o Guarani, marcado para domingo, no Moisés Lucarelli

Publicado em .

Edson corria o risco de ficar de fora do dérbi contra o Guarani, marcado para domingo, no Moisés Lucarelli

Campinas, SP, 06 (AFI) - Convocado para dar a entrevista coletiva nesta terça-feira, o volante Edson fez uma confissão no mínimo curiosa sobre um ocorrido no empate sem gols da Ponte Preta com o São Bento, no último sábado, em Sorocaba.

Edson era ao lado do atacante Roger um dos jogadores pendurados com dois cartões amarelos. Temendo ficar fora do dérbi 194 deste domingo, contra o Guarani, no Moisés Lucarelli, o volante teve uma conversa com o árbitro mineiro Emerson de Almeida Ferreira antes da bola rolar.

"Eu mesmo fui no árbitro contra o São Bento, antes do jogo, falei que eu e o Roger estávamos pendurado, para ele segurar, que a gente ia ajudar ele na partida. Ele foi certo nas escolhas dele, a gente em nenhum momento discutiu ou xingamos ele", revelou Edson.

JOGO ESPECIAL

Presente no dérbi realizado pelo Campeonato Paulista, que terminou com a goleada da Ponte Preta sobre o Guarani, por 3 a 0, também no Majestoso, o volante sabe que esse é um jogo diferente dos demais.

O volante Edson estava pendurado, mas não foi amarelado e vai defender a Ponte no dérbi
O volante Edson estava pendurado, mas não foi amarelado e vai defender a Ponte no dérbi
"Não são só os três pontos que estão em jogo. É muito mais que isso, é o sarro que o torcedor vai escutar no dia seguinte. Então vamos fazer de tudo para isso não acontecer", finalizou o volante.

Sem ganhar há cinco jogos e em queda livre na Série B, a Ponte Preta tem 20 pontos e precisa da vitória diante do rival para seguir na briga por uma vaga no G4.